Só o começo

0

Só o começo

 

Os últimos ataques da oposição contra a administração do prefeito Edvaldo Nogueira (PC do B) sinalizam que a campanha eleitoral já começou em Aracaju. Diariamente, vereadores e deputados estaduais opositores apresentam denúncias ou criticam a lentidão das obras realizadas na periferia da capital. O objetivo é afinar o discurso que será usado durante o próximo embate eleitoral. Político experiente, o prefeito precisa partir para o ataque se não quiser chegar em 2012 enfraquecido a ponto de não interferir na escolha do candidato governista à sua sucessão. Enquanto permanecer na defensiva, Edvaldo vai continuar apanhando, inclusive de políticos ditos aliados. E olha que isso é apenas o começo. O chumbo grosso está sendo guardado pelos opositores para quando chegar a hora de a onça beber água.

 

Além da conta

 

Alguém precisa dizer ao jovem vereador Danilo Segundo (PSB) que ser líder do prefeito não é chutar o pau da barraca e rasgar a cartilha da fidalguia. Chamar os parlamentares oposicionistas de cachorros raivosos como fez ontem Danilo é, no mínimo, deselegante. Por conta do destempero verbal do novo líder do prefeito, já há quem esteja com saudade do vereador Elber Batalha (PSB), que enquanto liderou a bancada da situação sempre tratou com elegância a oposição.

 

E a gente?

 

Muitos petistas dizem não entender a forma como o governador Marcelo Déda (PT) trata os ‘companheiros’. Enquanto nomeia ex-adversários para cargos importantes, o petista deixa os ‘velhos amigos’ chupando dedo. Os queixosos reclamam, por exemplo, das nomeações para secretarias adjuntas da esposa do ex-presidente da Deso, Vitor Mandarino, e da filha do conselheiro do Tribunal de Contas, Reinaldo Moura. Ora, isso é pinto diante da nomeação do ex-deputado estadual João da Graças como secretário do governo petista.

 

Formalidade

 

O governador Marcelo Déda esteve ontem com o ministro da Casa Civil, Antonio Palocci, para agendar uma audiência com a presidente Dilma Rousseff (PT). A informação, divulgada pela Secretaria de Comunicação do Governo estadual, causou estranheza. É que os sergipanos estavam acostumados a ler notícias de que, ao chegar em Brasília, o governador era convidado para jantar com o presidente Lula ou dar uma passadinha no Palácio do Planalto para trocar idéias com o compadre e velho companheiro. Agora, para falar com a presidente, Déda precisa agendar audiência. Quanta formalidade!

Lançamento

 

Será lançado no próximo dia 14 o livro ‘Lampião – Assaltos e Morte em Sergipe’, obra literária produzida pelo jornalista e escritor Juarez Conrado Dantas, baiano radicado em Aracaju, falecido em 25 de outubro de 2010. A noite de autógrafos acontecerá a partir das 19h30, no hall da Biblioteca Pública Epifânio Dória. O lançamento póstumo está sendo organizado pela família de Juarez, um apaixonado pela história do cangaço.

Piso julgado

Depois de dois adiamentos, o Supremo Tribunal Federal (STF) retoma hoje o julgamento da lei que criou o piso nacional do magistério. Há dois anos, a Corte negou pedido de liminar a cinco governadores que questionaram a constitucionalidade da lei, que determinou um piso de R$ 950 a professores da educação básica da rede pública com carga horária de 40 horas semanais. Falta agora o julgamento do mérito da matéria, aguardado com ansiedade pela categoria.

Goretti reage

 

A deputada estadual Goretti Reis (DEM) condenou as declarações feitas pelo prefeito de Lagarto, Valmir Monteiro, de que o ex-prefeito Zezé Rocha teria cometido irregularidades com o Programa Bolsa Família. Valmir teria dito à imprensa que a investigação realizada pela Polícia Federal em Lagarto diz respeito a problemas na administração do ex-prefeito. Segundo a deputada, a acusação não procede. Vários parlamentares apartearam Goretti para se solidarizar com Zezé Rocha.

 

Mega bolada

 

Acumulada há apenas dois concursos, a Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 27 milhões no sorteio desta quarta-feira. Caso haja um acertador das seis dezenas da faixa principal, ele poderia comprar, com os R$ 27 milhões, mais de mil carros populares ou cerca de 5 mil motos de 125cc. Aplicado na Poupança, esse valor renderia, mensalmente, quase R$ 150 mil. Sem investir em nada, apenas gastando R$ 50 mil por mês, o eventual milionário da Mega-Sena levaria 45 anos para utilizar todo o prêmio. E então, vai ou não fazer uma fezinha?

 

Nova diretoria

 

A Frente Nacional de Prefeitos (FNP) elegeu ontem a nova diretoria para o período 2011/12 que tem como presidente o prefeito de Vitória João Coser. O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, agora é secretário-geral da instituição representativa dos prefeitos brasileiros. A eleição da nova diretoria da entidade aconteceu durante a 59ª Reunião Geral da FNP e foi prestigiada pelo vice-presidente da República, Michel Temer.

 

Do baú político

 

Ao assumir o governo Sergipe, o empresário Augusto Franco (Arena) recebeu, quase de imediato, o apoio de todos os prefeitos sergipanos, exceto do emedebista José Mota Macedo, da Barra dos Coqueiros. Mas nem este fazia oposição sistemática ao governo. Muito pelo contrário, participava de todas as solenidades no Palácio Olímpio Campos e era quem falava em nome dos demais prefeitos. Nem precisa dizer que a imprensa registrava o fato de até um líder político oposicionista elogiar as ações governistas. Soube-se depois que José Mota Macedo só não se bandeou também para a situação porque assessores diretos de Augusto Franco o aconselharam a permanecer no MDB, pois os elogios vindos da oposição tinham muito mais importância. Ademais, ao ajudar a Prefeitura da Barra, o governador mostrava que não discriminava nem aqueles que não rezavam em sua cartilha. A atitude do prefeito contrariou os emedebistas históricos, mas resultou em muitos benefícios para a população da Barra dos Coqueiros.

 

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários