SSP: entre o público e o privado

0

 

 

Desde o início deste governo que este jornalista vem denunciando o uso indevido dos bens do estado, bem como a prática nefasta de nepotismo. Seja pela utilização de veículos do estado em benefício próprio, seja por perdas de armas da polícia de forma pouco esclarecedora, seja por nomeação de parentes de delegados em cargos comissionados, seja também por abuso de autoridade praticado por policiais, seja por filhos de coronéis dirigindo viaturas do estado. Alguns não aceitam, mas este é o principal papel da imprensa: informar.

 

 Os últimos acontecimentos envolvendo o coronel da PM Iunes, não é um fato isolado, como alguns pretendem dizer. Semana passada um coronel PM espancou sua cunhada e o namorado dela porque estes foram tomar satisfações sobre seu relacionamento com sua namorada. Este caso foi abafado em Itabaiana. No ano passado o coronel Péricles foi acusado de invadir uma residência em busca de sua filha. Este ano o coronel Magno visitou no presídio militar, de bermuda, um PM acusado de diversos assassinatos, horas antes de sua fuga. Sem falar no caso Herbalife, onde um delegado liberava um preso para vender seus produtos.

 

 No caso do coronel Iunes, algumas atitudes não são “costumeiras”, diga-se assim. Ao se prender alguém o destino deve ser a delegacia, e não a sua residência. Aqui, este jornalista não entrará no mérito de sua postura como pai, apenas a legalidade, ou a falta dela, interessa ao publico. E mais: porque o coronel Iunes encaminhou o jovem para a Delegacia de Atendimento a Grupos Vulneráveis? Se o problema alegado por ele é que a filha é menor, pela lei, deveria ter chamado o Conselho Tutelar, ou o juizado de menores e encaminhado para a Delegacia da Criança e do Adolescente.

 

Quem definiu bem o episódio foi o editorial do Jornal do Dia do último domingo. Com o título “Filhinhas de PM`s e pais descontrolados”, o editorial foi feliz. Um dos parágrafos: “É preciso equilibro para se educar adolescentes, é preciso diálogo e disciplina no trato com filhos menores, mas, sobretudo, é preciso que os policiais saibam separar a farda dos seus problemas domésticos, e seus comandantes saibam dar o  exemplo”.

 

Tem um episódio histórico interessante – Por volta de 60 A. C. – envolvendo o imperador Júlio César, homem mais poderoso do mundo à época: comentários diziam que sua mulher Pompéia andava meio sozinha, em razão da ausência de Júlio César, por passar meses com seus exércitos. Clódio, um pretendente da mulher, uma tentando visitá-la, entrou disfarçado no palácio, mas fora descoberto. César chamado a dar esclarecimentos, alegou desconhecer as alegações de Clódio, julgando-o inocente. Todavia Pompéia não se livrou do ostracismo e do repúdio do marido. Para quem o acusava de estar sendo contraditório, ao defender a mulher no tribunal e condená-la em casa, ele teria afirmado: “Não basta que a mulher de César seja honrada, é preciso que sequer seja suspeita”.

 

 Coronel Yunes alega que agiu como pai. O coronel Péricles também agiu como pai e foi exonerado do comando da PM dias depois. Iunes, segundo a nota da SSP, colocou o cargo à disposição e foi aceito de imediato. Não poderia ser de outra forma, porque seria incoerência do atual governo.

 

   Os que fazem a SSP, oficiais da PM, delegados, policiais e tudo mais, precisam ter mais conhecimento da diferença entre o público e o privado. Essa falta de conhecimento de algumas autoridades públicas, entre o público e o privado, causa indignação nos cidadãos.

 

“Se eu batesse nele por 30 minutos…”

Chamou a atenção da sociedade a declaração do coronel Iunes, para negar que tenha batido no rapaz durante 30 minutos. “Se eu batesse nele por 30 minutos, ele nem falaria”. Epâ, a declaração foi de um oficial da PM de Sergipe…

 

Iunes deixa o cargo – Nota pública da SSP I

A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), diante dos últimos acontecimentos que envolveram, de um lado, uma menor de 14 anos, filha do comandante do Comando do Policiamento Militar da Capital (CPMC), e, de outro, um estudante de 20 anos, praticante de jiu-jítsu, vem a público informar que o comandante do CPMC pôs o seu cargo à disposição do secretário de Estado da Segurança, o que foi aceito. O secretário da Segurança determinou ao comandante-geral da PM que instaure sindicância para apurar os fatos à luz da legislação militar, assim como também determinou à Coordenadoria de Polícia Civil da Capital a instauração de inquérito policial para apurar eventual prática de ilícito, à luz da legislação penal afeta às crianças e adolescentes.

 

Iunes deixa o cargo – Nota pública da SSP II

A Secretaria de Estado da Segurança Pública esclarece, ademais, que nenhum incidente dessa natureza será capaz de atingir a credibilidade que a Polícia Militar conquistou nos últimos meses, intensificando o número de prisões e o combate incansável à criminalidade, amedrontando e desestimulando os delinquentes que atuavam em Sergipe, fato que vem sendo demonstrado pelos excelentes índices de aprovação apresentados pela SSP junto à população em geral. (Assessoria de Comunicação da SSP).

 

Observações sobre a nota da SSP I

Primeira observação: há uma discriminação latente na citação de que o adolescente é lutador de jiu-jítsu, como se isso pesasse como uma característica negativa. Segunda observação grave: de forma alguma o cargo deveria ser posto a disposição do SSP, uma vez que o cargo pertence aos quadros da policia militar, de nomeação de seu comandante. Ou seja, cadê o comandante da PM? É mera figura decorativa?  

 

Observações sobre a nota da SSP II

Terceira observação: a luz da legislação militar o SSP não tem competência legal para determinar a apuração de crime militar, e nesse caso específico, por se tratar de crime, o correto seria instauração de IPM e não sindicância. Finalmente a credibilidade da PM de Sergipe não foi conquistada nos últimos meses, a instituição tem mais de 174 anos, todos dedicados a sociedade sergipana e não deve sujeitar a sua credibilidade ao governante da vez, muito menos ao SSP comissionado no momento. Sua história vai além da política e foi conquistada com o sacrifício de vidas de seus homens e mulheres.

 

Sindicância não pode ter R2

A sindicância (o certo seria um IPM) que será instalada na PM para apurar o caso envolvendo o coronel Iunes, não pode ser comandado por um R2 (aqueles oficiais que ingressaram na PM oriundos do exército sem concurso público). Ontem, 27, alguns oficiais levantaram este ponto para este jornalista. Informa que a partir da nomeação do presidente do inquérito pode-se saber se o comando da PM quer uma apuração rigorosa ou não.

 

Coronel sobrinho interino no CPMC

O coronel Sobrinho, hoje comandando o Ciops, ficou como interino no Comando do Policiamento Militar da Capital (CPMC).

 

PM 01001 “dá exemplo” em condomínio I

“Moradores do Condomínio Maria Resende Machado, a na rodovia dos Náufragos, estão extremamente agradecidos ao Comando da Polícia Militar e Secretaria da Segurança Pública. É que um carro da Polícia Militar, de placa PM 01001, tem sido visto estacionado na garagem de uma das casas daquele residencial. Como não é de se acreditar que o referido veículo esteja sendo usado para fins particulares, então só pode ser uma nova estratégia da segurança pública.

 

PM 01001 “dá exemplo” em condomínio II

 Recomenda-se portanto, que todos os condomínios de Aracaju, reivindiquem da Secretaria da Segurança que um veículo também fique estacionado em suas dependências, dando assim mais tranqulidade a todos.Então o veículo da Polícia Militar de placa PM 01001 dá início a um novo tempo na área de expansão de Aracaju. Ironias à parte, quando é mesmo que o uso desses veículos receberá  tratamento de seriedade?

 

Posse de Alexandre Padilha

O médico Alexandre Padilha, que assume hoje, 28, às 15hs, o ministério das Relações Instituicionais tem vinculo de amizade fortes em Sergipe. Quando dirigente da União Nacional dos Estudantes, Padilha era dirigente também da entidade Anderson Farias, hoje prefeito de Umbáuba. Depois, já médico, uma entidade que Padilha presidiu foi sucedida por Rogério Carvalho, hoje deputado e secretário de Estado da Saúde. Os dois estarão na posse de Padilha, além do governador Marcelo Déda, que também é amigo de Padilha, que será o mais jovem ministro. Tem apenas 38 anos. 

 

PEC de Valadares recebe apoio da AL/SP

A Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 047/2003, em tramitação no Congresso Nacional, de autoria do senador Valadares (PSB), que dispõe sobre a  garantia do direito humano à alimentação adequada e saudável, PEC Alimentação, recebeu apoio da Assembléia de São Paulo através de Moção votada por unanimidade.  O Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, vem fazendo uma campanha nacional de apoio a PEC que já foi aprovada no Senado, tramitou nas comissões da Câmara e só falta ser votada em plenário.

 

São Cristovão: restos pagar

Nos quatro meses do mandato de Jadiel Campos como Prefeito de São Cristóvão, com vários meses de salários atrasados dos servidores, faltando merenda escolar, combustível para ambulâncias, sem pagamento do serviço da coleta de lixo à empresa Loc e etc. Ocorreram sintomáticos pagamentos de débitos antigos à empresa Torre, algumas parcelas do ano de 2007, já lançados como “restos a pagar”.

 

Cenam: fugas na praia

Na última semana menores fugiram do Cenam. Até aí nada de novo,  mas dessa vez eles fugiram da praia. Estavam jogando bola na praia. Para isso ocorrer tem que haver determinação da juíza da infância. Houve a autorização? Quem era responsável pela escolta?

 

Cenam: fugas na quadra

Também fugiram adolescentes que estavam jogando bola na quadra, mas estes adolescentes deveriam estar contidos, segundo o presidente do sindicato dos agentes de segurança. Isso merece uma maior apuração. Um questionamento:

 as únicas atividades que ocorrem no Cenam é “jogar bola”?

Cenam: falta de informação

Mas  a maior mudança observada nessas notícias é a completa falta de informação por parte não só da Fundação Renascer, como da secretaria de inclusão. Uma característica do governo Marcelo Déda é a transparência (pelo menos é o que se pensa), coisa que não ocorre mais em relação as informações do Cenam.

 

Cenam: antes, fugas eram esclarecidas

Quando a secretária era a Deputada Ana Lúcia, todas as fugas eram esclarecidas para a sociedade, e também  se encontravam os gestores da Fundação Renascer para falar com a imprensa. Sempre havia alguém para dar os esclarecimentos necessários e mostrar a transparência da gestão da pasta. Não é o que ocorre agora, onde os gestores se negam a esclarecer as fugas.

Proposta de deputada vai morrer

Tem jeito não caro leitor. A AL de Sergipe, se fechar não vai fazer falta. Um dia destes o JC mostrou que os deputados só aprovam projeto do governo. Deles só requerimentos de congratulações. Pois bem! Querem “matar” a proposta de nulidade da nomeação de Flávio, na comissão de Constituição e Justiça. Dizem que dos 24 deputados 20 devem “favores” a Flávio. É um número muito grande. O blog vai esperar mais um pouco para publicar os nomes dos quatro moicanos. É bom para a sociedade saber que muitos não podem cobrar moral…

 

Suplentes começam a assumir mandatos

Deu na FSP: “Em uma sessão solene, acompanhada por suplentes de vereadores de 50 municípios de Goiás, tomaram posse na Câmara de Bela Vista de Goiás (GO), anteontem, os dois primeiros suplentes que foram beneficiados pela emenda constitucional que aumentou o número de cadeiras nos Legislativos municipais. O presidente da Casa, vereador Eliézer Fernandes (DEM), também presidente da UVG (União dos Vereadores de Goiás), disse que não há no momento nenhuma decisão judicial que impeça o cumprimento imediato da emenda.

 

Encontro de aposentados do BB

Na última quinta-feira, 24, realizou-se, em Brasília, reunião especial convocada pela Federação das Associações de Aposentados do Banco do Brasil. Durante todo o dia ocorreram debates sobre importantes temas de interesse da categoria, merecendo destaque as questões referentes à CASSI – Caixa de Assistência e PREVI – Caixa de Previdência. A presidenta da entidade, Isa Musa de Noronha, considerou, ao final dos trabalhos, bastante produtivo o conclave que reuniu 23 associações de todo o país e mais 17 convidados. Na oportunidade, foi eleita uma comissão formada por 5 membros, à qual caberá manter diálogo com a direção do Banco do Brasil.

 

Bancos reduzem PLR

Uma das principais causas da insatisfação dos bancários é a redução da Participação nos Lucros e Resultados, por decisão da FENABAN – Federação Nacional dos Bancos. O corte corresponde a l,2 bilhão de reais, se comparado com o montante pago em 2008.

 

CTB realiza encontro nacional

A Confederação dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil promoveu, em São Paulo, seu segundo encontro nacional, no período de 24 a 26 de setembro. 1.500 delegados de todo país participaram do evento. Em Sergipe, a CTB é presidida por Edival Góis.

 

Situação presídios I

Agentes penitenciários do Estado que estão em greve, desde a semana passada, ocupam na manhã do sábado,26,  o Presídio de Glória/SE,devido a informação que a inteligência da policia passou ao movimento paredista de que presos iriam fazer novos reféns e matariam agentes em retaliação ao acordo feito na última rebelião,em que o diretor do DESIPE Manoel Lúcio, mentiu para os presos rebelados.

 

Situação presídios II

Com a preocupação de garantir  a integridade física dos demais colegas, Cláudio Viana e uma equipe formada por 30 guardas e agentes altamente preparados fizeram uma revista pente fino na unidade,para abortar qualquer tipo de  plano urdido por alguns presos. Com isso as visitas do final de semana foram suspensas.

 O presidente do SINDPEN, Claúdio Viana afirma que situação dos presídios sergipanos é gravíssima, com destaque para o de Nossa Senhora da Glória. “Os detentos já avisaram que não farão mais reféns e, sim,cadáveres”, destaca.Nas demais unidades prisionais o clima é bastante tenso, já que o único efetivo e o dos 30 por cento,respeitando a lei.

 

Celi Open 2009

As inscrições para o Celi Open 2009, campeonato de tênis promovido pela Construtora Celi, já começou e vai até o dia 14 de outubro. Os interessados devem procurar a  Federação Sergipana de Tênis (FST), Racket Club e SET. A Construtora Celi sabe que esporte é saúde e proporciona com muito entusiasmo esta grande festa. 

 

DO LEITOR

 

Sobre a entrevista do governador

Do leitor Luís Pessoa:”Na coluna da última sexta-feira, 25,  constatei uma gratificante inovação. Não me lembro de ter acompanhado uma entrevista tão bem conduzida. Perguntas duras foram feitas ao governador Déda, tipo aquela, que lhe apresentou um possível empate técnico com João para as eleições do próximo ano. Porém, o que mais me chamou a atenção foi a postura adotada pelo jovem governador sergipano diante do problema no qual se meteu a velha raposa Clóvis Barbosa. Eu, com os meus quase dez anos de jornalismo (formei-me na Bahia, nos idos de 2000, quando o governador era o carlista César Borges), jamais testemunhara uma letargia tão lancinante no exercício do poder. A sensação é a de que Dédanão manda em nada. César Borges, por exemplo, nomeou para o TCE baiano quatro dos sete atuais conselheiros: o hoje presidente, Manoel Figueiredo, o ex-presidente e ainda conselheiro Antônio Honorato (preso pela PF em 2007 na operação jaleco branco), o conselheiro Pedro Henrique e a conselheira Ridalva Correa. Borges soube compor direitinho o tribunal de lá. Aqui, Déda mal consegue sustentar um único conselheiro, o qual diz ser seu companheiro de longa data (Clóvis Barbosa). Sinceramente, nunca presenciei tamanha demonstração de abandono e desprezo. O discurso de Déda, na entrevista, soou-me  claustrofóbico, típico de quem não agüenta aperreio, aperto ou arrocho. Na tarde de hoje, por conta dessa entrevista, escutei, numa roda de café no shopping jardins (no  Kopenhagen, para ser mais exato), de pessoas ligadas ao atual governo, que, se o governador fosse João, esse bolodoro já estaria acabado. Um dos membros da roda de café, a propósito, disse que JOÃO até já teria comentado para um advogado próximo: “veja se eu deixaria um amigo de verdade nessa situação medonha; nossos amigos, nós devemos segui-los até a sepultura, sem precisar entrar nela”. Não é o que se enxerga. De camarote, avistamos Clóvis Barbosa, com a barba toda branca, sendo levado para uma cadeira de barbeiro, onde Flávio Conceição? o aguarda, de navalha na mão. E Déda? Só lamenta? Lamento ganha eleição? Juristas e políticos do sul do país têm afirmado que essa história do TCE-SE logo virará escândalo nacional, por pura inabilidade de Déda, que tem perdido de goleada para um homem que foi preso pela PF, por suposto envolvimento em corrupção, e para um advogado amador, que está desmoralizando a administração. Já se cogita uma matéria na revista Veja: “TCE-SE, o oitavo passageiro”. Ah, e quem seriam mesmo os amigos de DÉDA? Pois eles balbuciam entre si que, se o chefe foi capaz de deixar Clóvis (que conheceu quando era adolescente) na cova dos leões, o que não seria capaz de fazer com eles? Parece que o empate técnico está deixando a noção que Déda tem de poder meio lerda. E Clóvis, este, sim, está na m…”

 

Crueldade

E-mail de Naiane: “Sábado passado a TV Sergipe extrapolou os limites do jornalismo mostrando a crueldade e a matança das rolinhas no sertão do estado. Foi doloroso ver as imagens chocantes de homens matando as bichinhas indefesas. A que ponto chegou  o jornalismo da emissora, que coisa feia, uma matéria revoltante. Com a palavra a sociedade protetora dos animais”.

 

 

Participe ou indique este blog para um amigo: 

claudionunes@infonet.com.br

 

Frase do Dia

“O que mata um jardim não é o abandono. O que mata um jardim é esse olhar de quem por ele passa indiferente”. Mário Quintana.

 

 

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários