Trânsito: sem falácia BRT, João fez mais que Edvaldo

0

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

Assim como em 2012, um dos temas mais constantes dos candidatos em Aracaju é a mobilidade urbana e as soluções para o trânsito.

O mais interessante é ouvir e ver nos programas eleitorais candidatos apresentando propostas e soluções que não tiveram quando estiveram no

 poder.

Este espaço que analisa a administração de João Alves como desastrosa em quase todas as áreas fará uma comparação, por dever de Justiça, com o caos encontrado em 2012. Isto mesmo: em 2012, com menos carros o caos no trânsito em Aracaju era bem maior do que o atual.

Os três principais candidatos, João, Edvaldo e Valadares Filho prometem homem a licitação do transporte. Edvaldo, sem contar os seis anos de Déda, passou mais seis na PMA. E cadê a licitação? João mais quatro. E nada!  Em 2008, para ser reeleito Edvaldo chegou a anunciar a grande Avenida Saneamento Norte, ligando Os bairros 18 do Forte ao Siqueira Campos. Até hoje os moradores sonham com a avenida.

Algumas das intervenções da SMTT que deram certo:

–  mudança na entrada principal do conjunto Augusto Franco, com a colocação de sinais e entrada pelo lado do G.Barbosa e saída pelo lado da unidade de saúde 24 horas Fernando Franco.

– colocação de quebras molas na Avenida Heráclito Rolemberg, na entrada do conjunto Augusto Franco, que acabou com os acidentes fatais no local.

– mudança na entrada principal para o conjunto Bugio e adjacências melhorando em muito o fluxo para os bairros na região e para a Avenida Euclides Figueiredo.

– A colocação de um quebra molas na Avenida Beira Mar, antes do Palácio de Veraneio, reduzindo o número de acidentes fatais na chamada “curva da morte” (Praça Alcebíades Paes, bairro Farolândia).

–  O Código de Trânsito Brasileiro é claro: no caso de uma rotatória, a preferência é do veículo que está circulando por ela. Em Aracaju não era assim. Ao cumprir o CTB o trânsito flui hoje melhor nas rotatórias do terminal da Atalaia (onde o semáforo foi retirado), na do bairro Jardins, ao lado do shopping; na do antigo farol da UNIT, entre outras.

– A mudança de mão e contramão em diversas ruas dos bairros 13 de Julho, São José e Grageru. Todas deram certo.

–  A recente intervenção com o fim de alguns retornos na Avenida Tancredo Neves, como o que existia em frente a concessionária Toyota, com a colocação do semáforo. 

– A rotatória do Caju (acesso a Coroa do Meio) o blog considera como uma intervenção de nível médio. Melhorou para quem vai e retorna da Coroa do Meio, porém, quem vai da Avenida Beira Mar sentido centro ainda pega um congestionamento grande, principalmente porque foram implantados dois semáforos um a 100 metros do outro. A sincronia está errada, quando o primeiro abre o segundo fecha, com isso o trânsito não flui.

Essas são algumas que o titular deste espaço lembra. E lembra também do caos  que era em 2012. Foi uma critica grande dos candidatos na época e que prejudicou o candidato do prefeito.

Volta Samarone – O amigo Samarone, foi por duas vezes, superintendente da SMTT. De janeiro de 2007 até março de 2010 e depois foi para a pasta da saúde. Retornou a SMTT em 2011 e, a prova maior que a população estava insatisfeita com o trânsito, foi que, candidato a vereador Samarone não foi eleito.

O marketing de Edvaldo deve ter muito cuidado quando pede “Volta”. A população não quer a volta de Samarone (que como superintendente da SMTT é um grande médico sanitarista) e muito menos a volta do caos deixado por Edvaldo em 2012.

O erro grave de João foi a falácia do BRT e o abandono total dos terminais de integração. Agora a fluidez do trânsito não pode ser comparada a de agora com o caos deixado em 2012.

Placa de identificação
Percebe-se que a Prefeitura de Aracaju (será responsabilidade da SMTT ou da Emsurb?) vem exagerando na troca de placas de identificação de 

ruas. Basta soltar algo que troca-se toda. Na foto ao lado, enviada por um leitor, o ferro da placa de identificação (ruas de Itaporanga com Siriri) estava apenas empenado, porém, pelo trabalho que deu a equipe estava sendo totalmente arrancada, quando deveria ser consertada com uma simples solda.

Dicionário do W…para iniciantes…
WA, Washington (EUA); WB, Warner Bros, produtora e distribuidora de filmes; WC, gabinete de água em inglês; WD, nome genérico produto para limpar e proteger peças da oxidação; WE, consultoria em cerveja; WF, Lisboa engenharia; WG……deixa para lá…

Querem “Ferrar” com João Alves na Coroa do Meio: boato de escrituras
E ontem, 08, circulou no Bairro Coroa do Meio, entre os moradores que foram relocados após o fim das palafitas e receberam casas em torno da Avenida que margeia o mangue (Avenida Desembargador Antônio Gois) que na quarta-feira, teria uma reunião na Escola Nunes Mendonça, coordenada pela Emurb para entrega das escrituras definitivas (outros dizem que serão concessões). E que os moradores estão sendo convocados por um candidato a vereador. O blog não acredita, prefere entender como um boato maldoso já que se constituiria em crime eleitoral. Tanto tempo e só agora, no período eleitoral vão entregar a documentação?

Sejuc esclarece lotação de duas servidoras
Através de ofício e comprovação da publicação no Diário Oficial, a Secretaria de Justiça e de Defesa ao Consumidor esclareceu que duas servidoras cujos nomes saíram como cedidas em outra edição do Diário, encontram-se, na verdade, lotadas desde julho de 2015 na Sejuc em suas funções com guardas do sistema prisional.

Frei Paulo: indeferido registro de candidatura de vice-prefeita Maiza Prado
A juíza Lívia Santos Ribeiro, após a juntada da defesa da candidata a vice-prefeita em Frei Paulo, Maiza Ribeiro – que tem como candidato a prefeito Wesley Oliveira – confirmou o indeferimento do registro da candidatura dela tendo como base a não desincompatibilização até o dia 02 de julho. Como os dois candidatos da chapa tem que preencher os requisitos como um todo, Wesley também está com a candidatura indeferida, mas basta apenas trocar o nome da vice.

Depoimentos
A decisão teve como base depoimentos prestados por três testemunhas
demais, os depoimentos prestados por três testemunhas e funcionárias do Abrigo Regional Estadual de Frei Paulo, que confirmaram que a impugnada atendeu na Unidade Básica de Saúde de Frei Paulo duas crianças.

Via Mídia TV começa no caminho errado. Apresentador fazendo campanha eleitoral
Quem disse que TV fechada pode fazer campanha em prol de candidato a vereador? Ontem, 08, o blog recebeu a informação que candidatos de diversos partidos estão enviando a Justiça Eleitoral cópia do programa Singular – da Via Mídia TV – onde o apresentador – que se mostrou extremamente preconceituoso com as pessoas mais velhas – disse que um candidato a vereador filho de um secretário municipal de Aracaju vai se eleger para substituir um monte de velho que está na câmara e não faz nada. Agora a Via Mídia TV deve ser punida pela Justiça Eleitoral por conta do apresentador cabo eleitoral do vereador.

Itabaiana: absolvição de Luciano não muda processo eleitoral
Mesmo com a absolvição de Luciano Bispo no TSE e o retorno dele a Alese, o quadro eleitoral não muda em Itabaiana. Lá o eleitorado não migra de um lado para outro. Um exemplo: este ano, as apostas não são para quem vai vencer a eleição para prefeito, mas qual será a diferença de Valmir de Francisquinho para Roberto Bispo.

Mudança significativa em quatro anos
Quem passou quatro anos sem ir a Itabaiana e passear pela cidade e seus povoados notará uma mudança significativa. Além de recuperar várias escolas e postos de saúde que estavam sucateados, vários povoados receberam pavimentação. Aliás, Itabaiana é o único município do interio que tem uma usina de asfalto. Salários pagos em dia, cidade limpa e comércio satisfeito. Já o outro deixou uma dívida de milhões e alguns meses de atraso salarial. Não tem como comparar.

No interior Justiça Eleitoral fecha os olhos: basta uma carreata para Carnaval nos postos de combustíveis
Incrível! O presidente do TRE, Osório Ramos tem que chamar a atenção dos juízes eleitorais em todo o Estado. Basta uma carreata em algum município ou povoado para os postos de combustíveis (que são poucos) ficarem lotados com motos e carros. E o pior: uma liderança fica no local pagando os combustíveis. É um verdadeiro Carnaval e ninguém faz nada. Será que o TRE e o Ministério Público Eleitoral só tem atuação em Aracaju?

Campo do Brito: irmãos disputando prefeitura. Há jurisprudência
Em Campo do Brito, o atual prefeito, Léo Rocha disputa à reeleição contra mais quatro adversários, entre eles o irmão, Zé Carlinhos. Acontece que a candidatura dele foi indeferida com base na lei eleitoral. Porém, o jurídico de Zé Carlinhos vai recorrer com base numa jurisprudência do TSE, onde autorizou a candidatura de um irmão, contra outro irmão que disputava à reeleição, porque ficou comprovado que eles são mais do que adversários, são inimigos. É o caso de Campo do Brito onde os dois irmãos não se falam há muito tempo. No caso da jurisprudência do TSE, a candidatura do irmão adversário foi permitida, mas em caso de vitória, ele não poderia ser candidato à reeleição, para que uma mesma família não passasse muito tempo no poder.

Aquisição de armas pela SSP/SE
Henrique Alves da ROCHA – Cel PM: “Publicado em Diário Oficial de hoje, dia 8 de setembro de 2016, a Síntese de Inexigibilidade de Licitação nº 002/2016, sob o Processo nº 022.000.02209/2016-1, com o Objeto de Aquisição de Pistolas GLOCK 22 Gen4, "Safe Action", calibre .40S&W, para atender a Polícia Civil é um avanço incomensurável para o desempenho da atividade policial. Essa aquisição representa uma luta antiga das polícias brasileiras, tanto as federais quanto as estaduais. Parabéns a Polícia Civil, conquista importantíssima”.

Aquisição de armas pela SSP/SE II
E conclui: “O fato que nos causou estranheza é a aquisição ser única e exclusivamente feita para a Polícia Civil, pois é sabido por todos a importância da utilização do citado armamento por ambas as instituições policiais, mormente a Polícia Militar, presente em todos os municípios sergipanos, 24 horas por dia, independente da crise financeira que assola o nosso Estado e o nosso país.Esperemos que a SSP mostre agora qual a real importância da polícia ostensiva, responsável pela preservação da ordem pública”.

Tecnologia x corrupção Eleitoral
Do advogado eleitoral Ludwig Junior: A Justiça Eleitoral de Sergipe tem coibido a prática de propaganda eleitoral irregular e outros ilícitos mais graves praticadas pelos candidatos às eleições deste ano. Todas as  denúncias recebidas via aplicativo Pardal ou Ouvidoria já foram ou estão sendo investigadas. Qualquer cidadão, ao se deparar com a prática de propaganda eleitoral irregular ou outras formas de corrupção eleitoral, pode registrar o ato ilícito por meio do aplicativo Pardal e encaminhar a denúncia à Justiça Eleitoral.

Tecnologia x corrupção Eleitoral II
A versão para smartphone/Android permite o registro de imagens/foto e a versão web permite o registro de imagens, vídeos e textos. O aplicativo é gratuito e deve ser baixado na loja virtual Play Store para smartphones do sistema Android ou diretamente no site: https://.tre-se.jus.br, no banner Pardal.  No primeiro caso, para a busca do aplicativo o cidadão pode digitar “TRE-SE”.

Tecnologia x corrupção Eleitoral III
As denúncias também podem ser feitas na Ouvidoria ou pessoalmente, no cartório eleitoral.Todas as denúncias, anônimas ou não, são recebidas pela Ouvidoria Eleitoral do Estado de Sergipe, que encaminha os conteúdos ao Juízo competente para apurar as irregularidades.

Prejuízo de até R$ 2 bilhões com lixo em Aracaju
"O prejuízo dado pelo ex-prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) e pelo atual, João Alves Filho (DEM), ao povo de Aracaju,  com o superfaturamento nos contratos firmados entre a Emsurb e a Torre Empreendimentos Rural e Construção Ltda, já ultrapassa R$ 1 bilhão,  podendo chegar a R$ 2 bilhões depois dos cálculos atualizados".

Nova denúncia
A nova denúncia foi feita pelo líder do PSB, vereador Bertulino Menezes,  durante o grande expediente da sessão legislativa da Câmara Municipal de Aracaju,  ao apresentar um relatório,  que classificou como a radiografia do superfaturamento. "É importante que o presidente da Casa,  vereador Vinícius Porto, instaure a CPI para aprofundarmos as investigações", cobrou Menezes,  ao anunciar que disponibizou uma assessoria jurídica e contábil exclusivamente para auditar os processos licitatórios,  contratos, contratos emergenciais,  aditivos e reajustes.

Documentação
O líder do PSB revela ter posse e já ter iniciado estudos sobre toda a documentação referente aos contratos, firmados entre a Emsurb e a Torre nos últimos 10 anos, para coleta do lixo e limpeza pública. "O presente que estes dois prefeitos deram ao povo pobre de Aracaju, – que sofre com falta de transporte e de saúde pública,  foi um prejuízo que pode chegar a R$ 2 bilhões-" , condenou, acrescentando se tratar de uma denúncia de alta gravidade.

Requerimento
O vereador é autor do requerimento de abertura da CPI, subescrito por 10 parlamentares,  tendo sido provocado por denúncia formulada pelo atual presidente da Emsurb junto ao Ministério Público de Sergipe,  acusando superfaturamento em favor da Torre estimado em R$ 300 milhões na coleta de lixo e limpeza urbana,  entre 2006 e 2012,, quando a Emsurb era presidida pela atual vereadora Lucimara Passos.

Comparação
Bertulino também apresentou dados comparativos entre os serviços de limpeza e coleta de Aracaju  com Maceió, – que tem uma população estimada em 800 mil habitantes -, onde os mesmos serviços foram contratados, no ano de 2014, por R$ 75 milhões, equivalente a 1/3 do que foi pago em Aracaju,  com a população estimada em 500 mil habitantes.

Agressões no aeroporto de Aracaju
O senador Eduardo Amorim (PSC) aparteou a senadora gaúcha Ana Amélia (PP-RS) na tarde de ontem, 8, para relatar agressões sofridas no último dia, 1º, quando desembarcava no aeroporto Santa Maria, em Aracaju. O parlamentar considerou que o ato foi irresponsável. “São pessoas covardes, agressoras. Elas tentam utilizar o manto da democracia como proteção”, afirmou ao se solidarizar a senadora, que também sofreu ataques no Rio Grande do Sul.

Queixa na PF
Para Eduardo Amorim, não é esse o país que os brasileiros desejam. “No dia seguinte fui até a Polícia Federal e prestei queixa”, informou. Segundo o senador, os agressores não são pessoas do bem “agridem e impõem sem o devido respeito”. Segundo Eduardo, os agressores falam nos 54 milhões de votos que a ex-presidente recebeu, nas eleições presidenciais, e esquecem dos outros que não votaram nela.

Agressores
“Não fomos nós que cometemos crimes de responsabilidade. Quero deixar registrado que não me intimidei e não me intimidarei. Vou até o fim defendendo o que acredito, porque de princípios, esteja onde estiver, não devemos abrir mão”, rebateu o senador sergipano. O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) afirmou que tomará as devidas providências quanto as agressões sofridas pelos senadores. Ele solicitou, também, que os veículos de comunicação da Casa divulguem os vídeos das agressões feitas pelo o Brasil, para que a opinião pública tenha conhecimento.

Reconstrução da antiga ponte de Pedra Branca
O governador Jackson Barreto assinará ordem de serviço nesta sexta-feira, 09, no Palácio dos Despachos, para reconstrução da antiga ponte de Pedra Branca, entre os municípios de Laranjeiras e Maruim, e a recomposição do trecho original da adutora do São Francisco, que se rompeu no ano passado e atualmente opera por meio de intervenção emergencial realizada na época.

Sistema
O Sistema Adutor do São Francisco abastece Aracaju, Barra dos Coqueiros, São Cristóvão, Nossa Senhora do Socorro e Malhada dos Bois. As obras beneficiarão aproximadamente 900.000 pessoas, que são abastecidas pelo sistema e serão realizadas com recursos oriundo do Programa Águas de Sergipe, contrato firmado entre o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos ? Semarh, e o Banco Mundial.  A execução da obra vai ser supervisionada pela Companhia de Saneamento de Sergipe – Deso. O investimento na construção é de R$ 16.499.908,85.

Ipesaúde em Lagarto
Nesta sexta-feira, o governador Jackson Barreto visita o município de Lagarto para inaugurar a unidade do Ipesaúde, entregar equipamentos para irrigação e autorizar investimentos nas áreas de abastecimento e distribuição de água e agricultura. O montante de R$1,446 milhão irá melhorar a qualidade de vida da população. As solenidades têm início às 9h30.

Serviços
A nova unidade do Ipesaúde no município de Lagarto ofertará, além dos serviços assistenciais da autarquia, especialidades médicas e de outras áreas da saúde em parceria com a Universidade Federal de Sergipe (UFS). O espaço atenderá, também, aos usuários de Simão Dias, Poço Verde, Riachão do Dantas, Salgado, Tobias Barreto e Boquim. O investimento em obra e equipamentos foi de R$ 350 mil.

Candidatura tranquila
Não se trata de adivinhação. Se trata de análise fria e objetiva. Na Grande Aracaju, só mesmo o prefeito da Barra dos Coqueiros, Airton Martins, do PMDB, tem uma candidatura, no caso à reeleição, que não passa por sobressaltos, tendo, desde o seu início, uma tranquilidade que os candidatos das demais cidades devem estar desejando para as suas próprias. Airton Martins segue sem ser incomodado pelos adversários e, em meio a isso, também segue trabalhando firmemente em sua administração.

Boas razões
Para que Airton esteja “surfando” essa boa onda eleitoral, alguns fatores concorrem positivamente. O primeiro, e mais importante, é o fato dele ter uma gestão que agradou em cheio à população da Barra. O prefeito, mesmo em meio a uma crise sem precedentes, manteve um ritmo intenso de trabalhos e de bons serviços. Mas não se pode deixar de levar em consideração que o seu principal oponente, do PT, se uniu a turma do DEM. E isso, até agora, ninguém consegue entender na cidade.

Mutirão do João Alves
Na quarta-feira, 07, feriado da independência do Brasil, mais uma comunidade demonstrou que quer a continuidade do desenvolvimento de Nossa Senhora do Socorro. A coligação 'Por amor a Socorro', que tem como candidato a prefeito, Zé Franco, e como vice prefeito, Klewerton Siqueira, percorreram as ruas do Mutirão do conjunto João Alves, sendo recebido de braços abertos pelos moradores que afirmam está com o 45.

Retorno
A caminhada recebeu o apoio do deputado estadual Capitão Samuel, de vereadores, líderes comunitários e centenas de pessoas que querem o retorno da experiência administrativa de Zé Franco, somados a juventude de Klewerton Siqueira no comando da prefeitura. Por onde se passava os moradores pediam para colar adesivo nas portas das casas mostrando o desejo da continuidade do progresso da cidade.

Junta Comercial ministrará Fórum de Capacitação em Propriá
O próximo destino do Fórum Permanente de Capacitação da Junta Comercial do Estado de Sergipe (Jucese) é o município de Propriá. Os usuários do órgão das cidades da Região do Baixo São Francisco terão a oportunidade de participar do evento educacional – com direito a certificado – sobre o Registro Empresarial nesta próxima segunda-feira, 12, no auditório da Codevasf, na Praça Fausto Cardoso, nº 3, a partir das 9h. Os interessados devem se inscrever, gratuitamente, no site da Jucese.

Nassal na Expolagarto
A Construtora Nassal participa até o dia 11, da Expolagarto 2016, evento que reúne exposição e feira de produtos das áreas empresarial e agropecuária. Na oportunidade, a Nassal apresenta o Sementeira Park Condomínio Clube, empreendimento com conceito inovador na cidade de Lagarto. No estande da construtora sergipana, os visitantes poderão se antecipar ao lançamento e fazer cadastro com os corretores, além de conhecer e adquirir outros imóveis da Nassal nas melhores regiões de Aracaju, Barra dos Coqueiros e São Cristóvão. O estande da Nassal funciona até o domingo (11), das 16h às 23h. A Expolagarto acontece no Parque Nicolau Almeida, na Av. Brasília, 150.

PELO TWITTER

www.twitter.com/Ezekiel_Almeida  Nosso maior problema não são os políticos corruptos, são os eleitores estúpidos. Muitos deles inclusive se vendem por muito pouco.

www.twitter.com/capsamuel  Democrático o discurso do Governador Jackson Barreto em relação ao movimento dos Militares.Reconheço !!! A luta continua …

DO LEITOR

DAQUI DA ARQUIBANCADA*

O respeito voltou! Vejam: com essa locução não estamos evocando a célebre frase proferida por Eurico Miranda que além de exaltar a instituição que dirige, serviu para  provocar os torcedores do Flamengo pela vitória conquistada num jogo válido pelo campeonato carioca do ano passado. Enfim, não é disso que se trata. O respeito aqui tem por destinatária a Seleção Brasileira de Futebol. Finalmente, temos um treinador. Finalmente, temos um time. Viva. Ganhamos com autoridade duas partidas difíceis, contra adversários (Equador e Colômbia) que até então estavam no topo da classificação das eliminatórias da América do Sul visando a Copa do Mundo de 2018. Dessa forma, e em reconhecimento ao alvissareiro trabalho de Adenor Leonardo Bacchi, o TITE, reproduzimos, abaixo, texto de nossa autoria publicado originalmente neste prestigiado blog em 01 de julho de 2016 (http://WWW.INFONET.COM.BR/BLOGS/CLAUDIONUNES/LER.ASP?ID=188207 ):

“O torcedor brasileiro já de algum tempo anda desanimado com a nossa Seleção Canarinho. Antes mesmo do fatídico 8 de julho de 2014, onde perecemos por 7 a 1 diante de uma insaciável e implacável Alemanha – que nos atacou como se estivesse numa campanha militar, ao melhor estilo “blitzkrieg” – já não se tinha confiança no nosso escrete de ouro, que, a bem da verdade, anda muito desbotado ultimamente. Mas a que se deve essa falta de confiança ou entusiasmo do torcedor brasileiro? Não será essa atitude negativa o disfarce de um otimismo inconfesso e envergonhado? Nelson Rodrigues que o diga.
A propósito, numa retrospectiva histórica que nos leva a 1958, um pouco antes do início da Copa do Mundo de Futebol, realizada na Suécia, escrevia o grande Nelson Rodrigues que: “Eis a verdade, amigos: — desde 50 que o nosso futebol tem pudor de acreditar em si mesmo. A derrota frente aos uruguaios, na última batalha, ainda faz sofrer, na cara e na alma, qualquer brasileiro. Foi uma humilhação nacional que nada, absolutamente nada, pode curar. Dizem que tudo passa, mas eu vos digo: menos a dor-de-cotovelo que nos ficou dos 2 x 1. E custa crer que um escore tão pequeno possa causar uma dor tão grande. O tempo passou em vão sobre a derrota. Dir-se-ia que foi ontem, e não há oito anos, que, aos berros, Obdúlio arrancou, de nós, o título. Eu disse “arrancou” como poderia dizer: “extraiu” de nós o título como se fosse um dente.”
Logo adiante o saudoso jornalista arremataria o texto afirmando que nós brasileiros sofríamos de uma patologia chamada de “complexo de vira latas”, que consiste na condição de inferioridade em que o brasileiro se coloca, voluntariamente, em face do resto do mundo. Isto em todos os setores e, sobretudo, no futebol. Atual, o pensamento, não?
Pois bem, arriscamos dizer que em termos de jogadores de futebol não temos uma safra excepcional, mas seguramente ainda temos tecnicamente os melhores jogadores. Que país tem a qualidade de jogadores como Daniel Alves, Marcelo, Thiago Silva, Marquinhos, Gil, Douglas Costa, Philippe Coutinho, Neymar, Lucas Lima, Casemiro, Gabigol e tantos outros? Nenhum! Todos esses jogadores podem ser ou já são titulares em grandes times da Europa e do Brasil. Tirando Messi, Cristiano Ronaldo, Luis Suárez, Neymar e Iniesta quem são os outros jogadores extraordinários atualmente? Não há. Os demais são jogadores talentosos ou meras promessas, a exemplo do francês Pogba.
Então o que falta para a nossa seleção voltar a brilhar? Faltava! Agora não falta mais. E não se está aqui a pregar um otimismo exacerbado ou inconsequente. Mas a verdade é que os últimos treinadores da seleção brasileira ou estavam defasados em termos de tática de futebol ou sequer reuniam as condições profissionais para estarem no posto. Parreira (2006), Dunga (2010) e Felipão (2014) não são mestres em estratégia de futebol, pelo contrário, passam longe disso. Eles eram de uma previsibilidade tática juvenil. Há quem chegue a duvidar se tínhamos alguma tática. Éramos, em termos de conjunto, um time de amadores. Porém, algo mudou em termos de comando. E mudou para melhor. Tite é a novidade e a capacidade em pessoa. Se preparou para o cargo de treinador da Seleção Brasileira. Tem conquistas históricas com o Corinthians e com o Grêmio. E mais: tem a confiança do torcedor e dos jogadores brasileiros. Vai dar certo. Tite transforma o complicado no ordinário. Parece copiar a retórica do “filósofo” Neném Prancha quando este diz que: "Futebol é muito simples: quem tem a bola ataca; quem não tem defende." A despeito disso, Tite não é uma panaceia, ou seja, não vai resolver todos os males da Seleção, mas certamente vai recuperar o prestígio e a dignidade da mesma há muito perdidos.”

Manoel Dantas – Advogado e Santista*

NOTA PÚBLICA

SINDIJOR condena divulgação de mensagens de internos no rádio e na TV

O Sindicato dos Jornalistas do Estado de Sergipe (SINDIJOR/SE) – a única entidade de classe que representa os Jornalistas e o Jornalismo em Sergipe – orienta a todos os jornalistas a não divulgar quaisquer informações produzidas por internos do sistema penitenciário sergipano – sejam áudios, fotografias ou vídeos. A orientação também é dada pela Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP/SE).

As informações oriundas das unidades prisionais, logicamente, devem e precisam ser divulgadas pela imprensa, mas somente sob a tutela do jornalista – a quem cabe a responsabilidade de proceder com as devidas entrevistas, cujas pautas, necessariamente, precisam atender exclusivamente ao interesse social. O jornalista jamais pode se curvar à ótica de um presidiário e se contentar com o papel de reproduzir uma informação cuja pauta pode atender ao mundo do crime.

Com preocupação, nos últimos dias, o SINDIJOR/SE observou a prática perigosa de jornalista reproduzindo áudios gravados por internos e disponibilizados em redes sociais. De repente, pessoas condenadas ou que podem ser condenadas por práticas dos mais variados crimes – muitos deles hediondos – assumiram o papel de repórter, noticiando no rádio e na TV fatos que cercam os presídios sergipanos, ou mesmo o papel de pessoas que têm autoridade para emitir juízo de valor sobre assuntos envolvendo a segurança pública.

O procedimento, evidentemente, se constitui numa total afronta à ética jornalística, ao Estado. E, por fim, à própria sociedade – vítima da criminalidade. E, o SINDIJOR/SE, em sintonia com a SSP/SE, não poderia jamais comungar com uma prática tão nociva. Uma vez teve a liberdade cassada pelo Estado, um interno não pode continuar no seio da sociedade com direito à livre manifestação.

Autorizado pelo Poder Judiciário, o interno tem o direito (às vezes o dever) de atender aos jornalistas, concedendo entrevistas dentro das pautas produzidas pelos jornalistas. Mas fora dos critérios jornalísticos, qualquer manifestação de um interno não tem o aval, o amparo do SINDIJOR/SE.

Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de Sergipe

Blog no twitter: https://.twitter.com/BlogClaudioNun

Frase do Dia
“Não compartilho da opinião de ninguém. Eu tenho a minha.” Ivan Turgueniev.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários