Valmir Fernandes Fontes

0

O novo livro de Ana Medina é um ensaio biográfico sobre o médico VALMIR FERNANDES FONTES, sergipano de Boquim que se destacou na medicina paulista com repercussões internacionais, mas pouco conhecido dos sergipanos. O lançamento vai ocorrer em 13 de maio próximo na Sociedade Semear.

A sociedade atual carece de paradigmas, de modelos a imitar, de exemplos a seguir. Valmir, um luminar da ciência brasileira, sergipano de Boquim, emprestou à Bahia e ao Brasil, ciência, humanismo e inteligência. De Boquim para Salvador, desta para São Paulo, até o reconhecimento científico, nacional e internacional, no cenário da cardiologia pediátrica, fazendo parte da equipe de Adib Jatene. Nada escapou ao olhar e à pesquisa da escritora que ostenta o condão de levar ao conhecimento da sociedade a dignificante história de vida de Valmir Fernandes Fontes, na construção da base moderna da ciência brasileira.

A contribuição da Imortal da Cadeira 16 da ASL inclui publicações a exemplo de Ponte do Imperador (1999); a organização das   Efemérides Sergipanas de Epifânio Dória (2009); Mário Cabral – vida e obra (2010) e as Crônicas da passagem do século, reunindo narrativas produzidas pelo médico Edilberto Campos (2017). As pesquisas que realizou sobre os Fernandes da Fonseca, para a tessitura de Trilhando Memórias (2013), foram fundamentais para a consolidação do seu desejo de aprofundar os estudos sobre a vida e a obra de Valmir Fernandes Fontes. Para tanto, pesquisou em arquivos e bibliotecas, conversou com alunos e colegas de profissão do médico, referência para as suas sólidas formações intelectuais e científicas.

Este livro é portador de uma história envolvente, fruto da sua capacidade intelectual exposta em escrita elegante e refinada, conhecimento fundamentado da trajetória de um sergipano que, pela força arrebatadora e libertadora da educação, alcança os píncaros da glória na Medicina Brasileira.