Vidas secas

0

Entra ano e sai ano sem que o poder público adote medidas consistentes para reduzir os prejuízos causados pela falta de chuvas no sertão sergipano. Em vez disso, espera-se a chegada da seca para adotar paliativos como a contratação de carros pipas e a distribuição de cestas básicas aos flagelados. Agora mesmo o governo está agindo no semi-árido, sempre com as tradicionais e dispendiosas providências que, embora diminuam o sofrimento do sertanejo, custam caro e não são duradouras. Seria tão bom que, em vez de continuar queimando dinheiro, se adotasse medidas concretas. Só assim o causticante sertão narrado por Graciliano Ramos em seu livro Vidas Secas viraria o oásis que é hoje Petrolina, em Pernambuco.

Casa nova

Os petistas sergipanos ganham casa nova amanhã. Localizada na avenida Gonçalo Prado, em Aracaju, a sede própria do PT será inaugurada às 16h30. O evento será prestigiado pela militância do partido e lideranças nacionais como o ex-presidente do PT, Zé Eduardo Dutra, e o ex-deputado federal José Dirceu. Depois da solenidade, os petistas se deslocam para a Associação dos Engenheiros Agrônomos de Sergipe, onde Dirceu lançará o livro “Tempos de Planície”.

Desrespeito

O ex-governador João Alves Filho (DEM) não confia na capacidade técnica dos sergipanos. Entrevistado pela jornalista Kátia Santana, ele disse que recorreu a profissionais de Curitiba para elaborar projetos visando garantir a retomada do crescimento de Aracaju. A idéia, segundo disse, é aprontar um plano de governo para o caso de o DEM vencer as eleições em 2012. Aliás, quando foi prefeito biônico da capital e depois governador de Sergipe, João sempre optou por técnicos curitibanos, em detrimento dos sergipanos.

Homenagem

E quem será homenageado hoje pelo Ministério da Saúde é o Sílvio Santos, secretário da saúde de Aracaju. A homenagem é um reconhecimento à Prefeitura da capital pela criação da ‘Academia da Cidade’, programa que atende a mais de 6 mil pessoas com aulas de ginástica, caminhadas, musculação, yoga, avaliação física e monitoramento contínuo da pressão arterial. Ainda em Brasília, Sílvio participa do painel “Evidências e Inovações Produzidas nos Serviços na Perspectiva das Ações de Promoção à Saúde”.

Veja essa

Com o título acima, a colega Rita Oliveira publica no Jornal do Dia a seguinte nota: “Por falta de pagamento, a SP Locadora recolheu 30 veículos Astra que serviam à Polícia Militar. Segundo uma fonte da PM, o pagamento da locação está atrasado há seis meses. Com o confisco das viaturas velozes, a corporação está com dificuldade para fazer rondas em Aracaju”. É feia a coisa!

Bote fé

A Mega-Sena deve pagar hoje R$ 2 milhões para a aposta que acertar as seis dezenas. O sorteio, que normalmente ocorre nas quartas-feiras, foi adiado para esta quinta devido ao feriado do Dia de Finados. Os jogos da Mega devem ser feitos até as 19h (horário de Brasília) de hoje. A aposta mínima – seis números – custa R$ 2.
Plano Diretor
A revisão do Plano Diretor de Aracaju será debatida hoje à noite no bairro Coroa do Meio. A sessão itinerante, marcada para a Escola JK, deve reunir moradores da Coroa do Meio, Atalaia, Aeroporto, Largo São Conrado e conjunto Orlando Dantas. A última reunião dessa primeira rodada de audiências nas comunidades acontecerá sábado próximo, no Mosqueiro.

Mais grana

A receita dos royalties relativos à extração de petróleo e gás em Sergipe apresentou crescimento de 35% em outubro passado, na comparação com o mesmo mês de 2010. O valor de royalties repassados ao Estado atingiu R$ 11,5 milhões no décimo mês de 2011. Apesar do forte avanço na comparação anual, foi apurado um declínio de 3,5% quando comparado com o mês anterior (setembro/2011). Os dados são da Agência Nacional do Petróleo e Biocombustíveis.

Sugestão

Em vez de ficarem brigando pela paternidade do Hospital do Câncer – um mero projeto –, bem que os políticos sergipanos poderiam se unir para conseguir recursos federais visando a compra de um acelerador nuclear. Desta forma, se reduziria a sobrecarga do equipamento existente no setor de oncologia do Hospital de Urgência de Sergipe, que vive quebrando, para desespero dos pacientes e seus familiares.

Do baú político

Em 1961, o grande Luiz Gonzaga foi impedido de se apresentar na Rádio Difusora. Entrevistado por Osmário Santos, o radialista e ex-deputado estadual Santos Mendonça oferece detalhes da proibição, que causou uma grande celeuma em Aracaju: “Ao ser retirado do ar, Luiz desceu as escadarias da rádio, ali na Praça General Valadão, e subiu a rua João Pessoa. Quando chegou na Praça Fausto Cardoso, eu vinha chegando com meu carro, que estava todo equipado de som para a minha campanha de deputado estadual. Quando vi Luiz Gonzaga, 10 horas da manhã, sol a pino, gente pra burro e ele na frente com a sanfona, perguntei: ‘O que é que há, Lula?’. Ele me contou a história. Então eu disse: Não seja por isso, suba aqui no banco. Liguei o sistema de som do carro e Luiz fez o show na frente do Palácio, disse o que aconteceu com ele na rádio, com o governador ouvindo tudo. A alegria de suas músicas pôs fim à confusão e eu aproveitei para fazer um comício animado por Luiz Gonzaga sem gastar um tostão”. Santos Mendonça, um dos grandes radialistas de Sergipe, elegeu-se deputado, mas foi cassado pelo golpe militar de 1964.

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais