Violência noturna

0

Com a Polícia preferindo trabalhar cada vez mais durante o dia, os criminosos estão aproveitando a calada da noite para atacar. Enquanto no período noturno o estado disponibiliza apenas a delegacia plantonista, a bandidagem se espalha pelo centro e periferia de Aracaju para assaltar, arrombar e roubar pessoas indefesas no deslocamento para o trabalho ou escola. Vítimas em potencial da bandidagem, motoristas e cobradores de ônibus pediram socorro ontem à Secretaria da Segurança Pública, pois não suportam mais serem atacados. Segundo o sindicato da categoria, de janeiro até agora 487 ônibus já foram assaltados na Grande Aracaju. Casos como este mostram como a Polícia tem sido impotente para conter a violência, deixando a sociedade refém dos criminosos. Uma lástima!

Mestres

Neste 15 de outubro se comemora em todo o país o Dia do Professor. Veja o que pensava a poetisa Cora Coralina sobre tão importante profissional: “O melhor professor nem sempre é o de mais saber e, sim, aquele que, modesto, tem a faculdade de manter o respeito e a disciplina da classe”.

Esperneio

A oposição não gostou nadica de nada de ter sido chamada de louca e despreparada pelo governador Jackson Barreto (PMDB). Ontem na Assembléia os deputados Venâncio Fonseca (PP), Maria Mendonça (PSC), Antônio Passos (DEM) e Antônio Santos (PSC) se queixaram do peemedebista. “Será que somos loucos porque cobramos o reajuste dos servidores, ou louco é o governador que prefere gastar R$ 37 milhões em propaganda?”, questionou Fonseca.

Invocado

Pichação num muro da avenida Contorno, em Aracaju: “O Brasil é o país onde a arte é crime e a corrupção é arte”. Vixe, Maria!

Homenagem

A Assembléia homenageia hoje sete educadores com a Medalha Manoel Bomfim. Na solenidade marcada para as 11h, no plenário do Legislativo, serão homenageados os professores Angelo Roberto Antoniolli, Sandra Maria Xavier Beiju, Cristina Alves S. Nascimento, Tereza Cristina P. Souza, Maria Elizabete Andrade Dórea, Wellington Dantas Mangueira e Maria Hortência Pereira Araujo. Prestigie!

Gasoduto

O deputado federal Fábio Reis (PMDB) reivindicou a construção de um gasoduto para atender a região Centro-Sul de Sergipe. Após ouvir o pedido, o gerente-executivo dos Serviços Compartilhados da Petrobras, Eugênio Dezen, prometeu encaminhá-lo para análise da área técnica da estatal. A idéia do parlamentar é atender com gás natural municípios como Lagarto, Itabaianinha, Estância e Tobias Barreto.

Fim do prazo

Os partidos políticos tiveram até ontem para encaminhar à Justiça Eleitoral as relações atualizadas de filiados. As informações passadas pelas legendas serão divulgadas pela Corregedoria-Geral da Justiça Eleitoral (CGE) após o processamento dos dados. Atualmente, 32 partidos estão registrados no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Punidos

PP e PMDB foram punidos pelo Tribunal Regional Eleitoral por terem usado o tempo de propaganda partidária para fazer promoção pessoal de seus dirigentes. O primeiro enalteceu a figura do deputado estadual Venâncio Fonseca, enquanto o PMDB fez apologia à figura do governador Jackson Barreto. Anteriormente, o TRE já havia punido o PC do B e o PR por terem exaltado o ex-prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, e o deputado federal Laércio Oliveira.

Engolindo letra

De um leitor atento: a palavra fuleira tem “i’. Fuleiragem, né?

Recado

E o senador Antônio Carlos Valadares (PSB) postou o seguinte no twitter: “O PSB não estimula candidatura própria ao governo de Sergipe, que só causaria divisão do nosso bloco em benefício dos adversários. Temos acordo com Jackson Barreto e estou feliz no Senado, onde continuarei a ajudar o meu povo com respeito e a dedicação de sempre”. Tá dado o recado.

Sacolinha

O governador Jackson Barreto (PMDB) vai organizar um jantar para empresários sergipanos. O objetivo é correr a sacolinha durante os comes e bebes visando angariar recursos para bancar as reformas físicas da Catedral Metropolitana de Aracaju. “Todos os grandes evento da sociedade sergipana acontecem ali. Portanto, é justo que ajudemos para a nossa Catedral a ficar ainda mais bonita”, explica Jackson.

Do baú político

Em 2003, último ano do segundo governo de Albano Franco (PSDB), os sergipanos não paravam de se queixar da violência, que crescia a olhos vistos, particularmente em Aracaju. Uma das principais reclamações da população era sobre a ausência da Polícia Militar nas ruas da capital. Para conter o clamor social, o comando da PM colocou dezenas de viaturas com os giroflex acesos em vários cruzamentos da capital, medida que surtiu efeito imediato, pois a bandidagem se recolheu, reduzindo, consequentemente, a onda de delitos. A ação foi aplaudida por todos, porém surgiu uma desconfiança: como a Polícia Militar conseguiu de uma hora para outra tantos carros? Descobriu-se depois que se tratava de viaturas velhas devidamente lavadas e polidas, algumas até sem motor, mas todas equipadas com baterias para manter os giroflex ligados o tempo todo.

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais