Welles e Waters, dupla da pesada

0

Um dos grandes filmes de Orson Welles, “A Dama de Shangay” está passando na televisão por assinaturas. E, imagina, vamos ver o célebre “Pink Flamingos”, que fez a glória e a fortuna de um sujeito esquisitão, John Waters.

 

A Dama de Shangay – Tome nota para não esquecer: 4ª feira, 21h15 (já estaremos fora do horário de verão), no Max Prime, exibição desta obra-prima de Orson Wells, um dos filmes mais importantes já feitos pelo cinema americano. É a história de um aventureiro irlandês que viaja de iate com um homem rico e sua bela esposa. Aos poucos, a sedutora mulher vai se envolvendo com o empregado e um misterioso assassinato traz a tona um passado criminoso deste último, levando as tensões e conflitos ao limite. A sequência do tiroteio na sala de espelhos continua insuperável. Wells exigiu de sua então mulher, Rita Hayworth, que se tornasse loura para ser uma dama de Shangay simplesmente inesquecível.

 

Pink Flamingos 25th Anniversary – Doideira! Então o filme “outside” de John Waters vai ser exibido em canal de televisão? Pois é, 2ª feira a partir das 22h, no Cinemax, passa este filme loucão de Waters, feito em 1972 e que na época causou escândalo. Até porque o seu ator principal era Divine, um travesti gordão, o anti-galã por excelência. Cada exibição do filme em festivais internacionais, era um “happening”, como se dizia na época. Waters providenciava até cheiro na sala para determinadas cenas. É bem possível que hoje o filme já não cause tanto fuzuê. Mas, é preciso conhecê-lo, sem dúvida. Na época, a censura militar proibiu sua exibição no Brasil.

 

Reeseville – Uma incógnita: é dirigido por desconhecido (Christian Otjen) e estrelado por anônimos (Brad Hunt, Brian Wimmer, Majandra Delfino), parecendo produção C, ou seja, com pouquissimos recursos. É sobre o retorno de um homem a sua cidade natal e como ele se torna o suspeito número um da morte do pai. Estréia hoje as 20h (hora local) na HBO..

 

Mar de Fogo – Esse aqui é apenas um passatempo despretencioso, mas o diretor Steve Carver foi durante algum tempo um bom realizador de filmes de aventura. Passa as 20h (hora local) de sábado na HBO. A ver, por sua conta e risco.

 

Comentários