À espera do 13º salário

0

A primeira parcela do 13º salário deve ser paga pelo comércio e pela indústria a partir do final deste mês. É a esperança que o comércio tem para melhorar suas vendas. A coisa anda feia mesmo. Em anos anteriores, por essa época, já se via o clima de Natal nas lojas dos centros e dos Shoppings. Não é o que se observa hoje. Nenhuma loja do centro, por exemplo, fez contratação extra de mão-de-obra até o momento. A partir de 1º de dezembro, o comércio tem autorização de abrir suas portas até mais tarde, por volta das 21 horas. Mas, até agora, nenhum lojista se animou a anunciar essas horas extras, inclusive com a contratação temporária de novos empregados. Pode ser que a chegada do 13º salário dê um um ânimo ao comércio. Pelo menos é isso que as entidades lojistas esperam.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais