Aberto o processo licitatório para Bicicletas Públicas

0

Bicicletas facilitarão a mobilidade urbana em Aracaju (Fotos: Portal Infonet)

Foi iniciado na última segunda-feira, 10, o processo de licitação para a contratação da empresa que irá operar juntamente com a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), por meio da Secretaria Municipal de Defesa Social e da Cidadania, o Sistema Alternativo de Bicicletas Públicas e Compartilhadas para a Mobilidade Urbana.

O diretor de Planejamento e Sistemas da SMTT, Francisco Navarro, informou que apenas a Empresa Sertell [de Pernambuco] apresentou a documentação. “Agora, toda a documentação começará a ser analisada”, afirma Navarro.

“A população poderá utilizar as bicicletas públicas em várias partes da cidade. É só adquirir um cartão ao preço de R$ 10 e rodar o dia inteiro por todo o mês. As pessoas devem pegar as bicicletas em uma estação e deixar em outra. Pontos serão instalados na cidade, desde a Av. Hermes Fontes até a Zona Norte, facilitando a mobilidade urbana”, explica a secretária de Defesa Social e da Cidadania, Georlize Teles.

João Alves Filho: "As bicicletas públicas fazem sucesso"

Segundo o prefeito João Alves Filho (DEM), o Sistema Alternativo de Bicicletas Públicas e Compartilhadas, vem dando muito certo em outras capitais nordestinas.

“As bicicletas públicas serão administradas juntamente com o sistema privado e vem sendo um sucesso em várias cidades, a exemplo de Salvador. A população pode pegar a sua bicicleta, fazer o percurso desejado e deixar no ponto indicado”, acrescenta.

Integração

O projeto para Aracaju promoverá a integração de todos os sistemas de transportes, inclusive os corredores para BRTs, facilitando a locomoção dos cidadãos entre as áreas de lazer, turismo e trabalho.

Georlize Teles: "População poderá utilizar as bicicletas em várias partes da cidade"

Francisco Navarro: "Será analisada a documentação da empresa pernambucana"

Com as bicicletas, as pessoas poderão se deslocar aos pontos de transporte público. Aracaju poderá contar 20 ou 25 estações que comportarão 10 a 15 bikes cada uma, totalizando uma média de 250 bicicletas compartilhadas rodando diariamente.

Por Aldaci de Souza

.

Comentários