Acidente: Motorista do ônibus será ouvido

0
No acidente quatro pessoas faleceram (Foto:Reprodução)

Policiais da Delegacia de Poço Redondo confirmaram que o inquérito sobre o acidente que matou quatro pessoas no final da tarde da última segunda-feira, 2, será investigado pela delegada Clarissa Lobo Abreu Barbosa.

A informação é que logo após o acidente o advogado do motorista do ônibus se apresentou e marcou o depoimento para a próxima semana. O motorista foi identificado como Davi Broca Branco.

O acidente entre o ônibus do cantor Lairton e uma ambulância chocou quem passava pelo local. Os corpos ficaram espalhados pela pista e a ambulância que transportava pacientes completamente destruída. De acordo com o subtenente Menezes, da Companhia de Polícia Rodoviária Estadual (CPRv) do posto de São Domingos, a ambulância tipo van transportava as sete pessoas e rodou na pista por causa de uma aquaplanagem. O ônibus acabou colidindo no fundo do veículo.

Vítimas

Segundo a delegacia, todas as vítimas moravam no município de Canindé do São Franscico. Elas foram identificadas como Aidil Vieira, de 69 anos, José Gerônimo, de 67 anos, Filomena Gonzaga, de 62 anos e José Felix da Cruz, de 93 anos.

No Hospital Regional de Nossa Senhora do Glória, a assistência social informou que apenas duas pessoas foram encaminhadas a unidade. Uma mulher foi medicada e já liberada e um jovem ainda passa por exames, mas deverá receber alta ainda na manhã desta terça-feira, 3.

Acidente

Quatro pessoas morreram e pelo menos três ficaram feridas no acidente envolvendo o ônibus do cantor Lairton e uma ambulância no final da tarde desta segunda-feira, 2, em Poço Redondo, Alto Sertão sergipano. A ambulância vinha de Aracaju e tinha como destino Canindé do São Francisco; o ônibus do artista tinha como destino a capital.

* A matéria foi alterada para correção do nome da vítima

Por Kátia Susanna

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais