Acusado por tráfico de drogas e homicídio é preso em Lagarto

0
Maconha que estava dentro do veículo que o suspeito conduzia (Foto: BPRv)

Os policiais do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv) e a equipe da Guarda Municipal de Lagarto, em ação conjunta, prenderam um homem de 23 anos, acusado por tráfico de drogas e investigado pela morte de Ednaldo de Jesus Pereira, conhecido como Martelinho de Ouro, assassinado a tiros dentro de um bar no dia 17 de junho do ano passado na cidade de Lagarto. Na época do crime, Martelinho de Ouro tinha 32 anos de idade.

Conforme informações da assessoria de imprensa da Secretaria de Estado da Segurança Pública, Elson Oliveira Santana, 23, era investigado por envolvimento neste crime e o Departamento de Homicídios da Polícia Civil de Lagarto solicitou mandado de prisão, que foi expedido pelo juízo da Comarca de Lagarto contra o suspeito. Ele foi preso, após perseguição, ocorrida na manhã desta terça-feira, 8.

De acordo com informações do diretor da Guarda Municipal de Lagarto, Alisson Monteiro de Lima, a equipe da GM observou que o suspeito trafegava nas imediações da Colonia Treze, conduzindo um Siena. Houve uma perseguição inicial, mas o suspeito tentou driblar os guardas municipais que pediram reforço ao BPRv para conseguir alcançá-lo. O casal foi localizado pelos policiais em um trecho da SE 270. No momento, o suspeito apresentou um documento com o nome de outra pessoa, mas foi reconhecido pelo pessoal da Guarda Municipal, conforme informações do diretor.

Ao inspecionar o veículo, os policiais da BPRv encontraram cerca de um quilo e setecentos gramas de maconha, um estojo contendo munições de pistola 380 e aparelho celular. O casal foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Lagarto, onde o mandado de prisão foi cumprido e o suspeito autuado por tráfico de drogas e uso de documento falso. De acordo com informações da assessoria da SSP, o suspeito apresentou documento de identidade em nome de outra pessoa emitido pela Secretaria de Estado da Segurança Pública do Estado da Bahia.

por Cassia Santana

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais