Adolescentes desaparecidas passam por exames no IML

0
Exames foram realizados no IML (Foto: Arquivo Infonet)

As duas adolescentes (13 e 16 anos) e a jovem de 18 anos, que ficaram desaparecidas entre o último sábado, 15, e a segunda-feira, 17, já realizaram, segundo parentes de uma das vítimas, os procedimentos no Instituto Médico Legal para esclarecer o que ocorreu durante o período.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), os conselheiros tutelares também foram orientados a levá-las à Maternidade Nossa Senhora de Lourdes, para os trâmites necessários.

Até o momento, a adolescente de 13 anos e a jovem de 18 foram ouvidas pela delegada do Departamento de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAGV) Annecley Figueiredo. Já a terceira prestará depoimento posteriormente, pois estava com febre e foi liberada para o atendimento médico. A Polícia Civil aguarda o restabelecimento da saúde da garota para realizar as ouvidas e comparar as versões apresentadas e chegar ao que aconteceu.

A parente de uma das meninas informou ao Portal Infonet que, durante a festa, elas teriam sido sequestradas por um carro preto e depois abandonadas em um matagal do município de Estância. “Elas voltaram andando e pedindo carona a quem passava”, informou.

Já a SSP disse que outros detalhes serão divulgados apenas após a finalização do inquérito para não prejudicar as investigações.

Entenda

As três estavam desaparecidas desde a tarde do último sábado, 15, quando saíram de casa para irem a uma festa no Conjunto Bugio, em Aracaju. Dois dias depois, elas reapareceram e se apresentaram espontaneamente à Polícia Civil, por familiares e pelo Conselho Tutelar.

por Jéssica França

Comentários