Adriano Taxista é preso suspeito de incitar a paralisação dos ônibus

0
Adriano Oliveira Pereira (Foto: Arquivo Portal Infonet)

O ex-vereador de Aracaju, Adriano Oliveira Pereira, conhecido como ‘Adriano Taxista”, foi preso neste sábado, 27, pela Polícia Militar e encaminhado a Central de Flagrantes em Aracaju. A informação foi confirmada pela Secretara de Segurança Pública (SSP/SE).

Segundo a polícia, Adriano Taxista é suspeito de incitar os atos contra o sistema de transporte da Grande Aracaju, ocasionando a paralisação do transporte coletivo iniciada na sexta-feira, 26.

De acordo com a Polícia Civil, o auto de prisão em flagrante de Adriano Oliveira Pereira está sendo lavrado nesta tarde. “Ele será indiciado pelos crimes previstos nos artigos 265 – que dispõe sobre o atentado contra a segurança ou funcionamento de serviços de utilidade pública -, 268 – que refere-se à infração de determinação do poder público destinada a impedir a introdução e a propagação de doença contagiosa e 330 – sobre a prática de desobediência de ordem legal de servidor público. Todos os artigos estão dispostos no Código Penal. Os atos, induzidos por “Adriano Taxista”, descumpriram decisões judiciais que determinam a prestação do serviço à população”, diz a SSP.

Ainda segundo a SSP, Adriano Oliveira passará por uma audiência de custódia.

O Portal Infonet entrou em contato com o ex-vereador, mas o telefone está na caixa postal. O Portal permanece à disposição através do e-mail: jornalismo@infonet.com.br

Retomada do transporte

O transporte coletivo voltou a circular na capital e grande Aracaju no início da tarde deste sábado, 27, com escolta policial após reunião realizada entre o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Aracaju (Setransp), a Polícia Militar e a Guarda Municipal.

por Aisla Vasconcelos

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais