Barraco desaba no Morro do Avião

0

Ficou somente a frente do barraco
Moradores do Morro do Avião, localizado no bairro Santa Maria, voltam a passar às noites “em claro” por conta das fortes chuvas registradas em Aracaju nos últimos dias. Os barracos amontoados costumam deslizar sempre que chove muito, deixando as famílias angustiadas. Na madrugada desta segunda-feira, 11, o barraco do Sr. Wilson Moura Batista, 60, desmoronou, machucando-o principalmente no braço.  Todos os pertences ficaram destruídos.

A filha do Sr. Wilson Moura, Silvaneide Santos Silva que mora em um barraco ao lado do pai, está indignada. “Meu pai quase morre soterrado. Foi sorte, sorte mesmo ele não ter morrido. Quando ouvi o barulho e corri, ele já estava gemendo.  Machucou o braço e o pé.  Agora está se recuperando na casa de minha mãe.  Graças a Deus não

Todos os pertences perdidos
precisou se internar”, relata.

Silvaneide destacou que a situação dos moradores do Morro do Avião piora à cada dia. “O que mais me revolta é que as autoridades só aparecem em época de eleição para apertar a nossa mão e pedir votos. Há muitos anos é essa situação aqui no Morro do Avião. Não tem condições de continuar desse jeito. Já deviam ter colocado a gente em casas decentes”, lamenta afirmando que perdeu as contas das quedas que levou descendo ou subindo para o barraco.

Na torcida

Silvaneide: “Só aparecem para apertar as nossas mãos”
O Sr. Nivaldo Pereira, 73, também mora em um desses barracos prestes a desabar.  Segundo ele, está torcendo para que isso não ocorra.  “Meu medo é que os outros barracos deslizem por cima do meu. Ano passado, meu barraco caiu e com muito esforço consegui construir esse, que a água invade mais rápido porque está no lugar baixo”, afirma o Sr. Nivaldo.

Por Aldaci de Souza

 

 

 

 

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais