Blitz aborda tema: ‘Violência sexual não combina com carnaval’

0

Equipe do Programa Sentinela faz blitz para incentivar as denúncias
Com o tema ‘Violência sexual não combina com carnaval’, o Programa de Enfrentamento ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescente da Barra dos Coqueiros, mais conhecido como Programa Sentinela, realiza a partir de hoje, 1°, e durante todo o carnaval, uma campanha com o objetivo de incentivar a denúncia contra esse tipo de crime. 

Dando início à campanha, a Prefeitura da Barra dos Coqueiros, através da Secretaria Municipal de Ação Social e do Trabalho, promoveu durante a manhã desta sexta uma blitz no posto de fiscalização da Polícia Rodoviária Estadual, com distribuição de panfletos. “As pessoas devem vir brincar o Carnaval com a consciência de que a violência sexual contra a criança e o adolescente é um crime e que deve ser denunciado para a gente poder coibir esse mal”, explica a coordenadora do programa, Edênia Menezes. 

Edênia Menezes, coordenadora do programa
Segundo ela, as festas de Carnaval são catalisadoras desse tipo de violência. Ela informou ainda que só este ano foram registrado 16 casos de abuso e exploração de crianças e adolescentes. “O índice na cidade é alto, pelo fato de ser litorânea e ter o porto. Em contrapartida o número de denúncias ainda é pequeno. Por isso estamos fazendo essa campanha, para que esse número aumente”, explica.

Durante os dias de carnaval a campanha será intensificada através de abordagens educativas durante a festa no município. A equipe do programa também estará de plantão para receber as denúncias, que podem ser feitas através do Disque Denúncia Nacional – 100.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais