Caos: ônibus paralisam e população fica a pé em Aracaju

0
Ônibus parados no Terminal do DIA (Foto: Portal Infonet)

Muitos usuários de ônibus tiveram que descer dos veículos antes de chegar aos locais de destino por causa da paralisação dos rodoviários na manhã desta quarta-feira, 27. No Terminal do Distrito Industrial de Aracaju (DIA) dezenas de ônibus estão paralisados.

Pontos de ônibus e terminais lotados com a paralisação dos rodoviários. Muitos usuários reclamaram, pois pagaram a passagem de R$ 2,45 e tiveram que descer dos veículos. Por falta de transporte para locomoção, alguns usuários optaram por ir andando pelas avenidas até encontrar alternativa para se deslocarem para o trabalho e residência.

“Se eu soubesse da paralisação nem teria saído de casa. Estava indo para o trabalho no ônibus Santa Maria/ Mercado quando pediram para descer em frente à loja Jacaúna. Agora estou aqui há mais de uma hora aguardando”, reclama a doméstica Sílvia Santos.

Aposentada iria viajar para São Cristovão

A aposentada Maria do Carmo também estava no Terminal do DIA aguardando a saída do ônibus. Ela estava com viagem marcada para o município de São Cristovão, mas foi adiada porque não conseguiu chegar até a rodoviária. “Pagamos a passagem para ficar no meio da rua.  Não vou poder viajar porque os ônibus têm os horários certos de saída.O jeito é esperar o fim da greve”.

O estudante Mateus Rocha está na mesma situação de dona Maria do Carmo. Ele conta que estava com viagem programada para o município de Propriá. “Ainda bem que eu não comprei a passagem porque se não o prejuízo iria ser maior. Vou aguardar mais um pouco, caso os ônibus não voltem a circular vou pegar um motoboy”, explica Mateus.

Estudantes diz que vai aguardar no terminal

SMTT

Com a paralisação dos veículos, a avenida Heráclito Rollemberg e Tancredo Neves ficaram congestionadas. A orientação do capitão Jota Luiz, da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), é de que os condutores evitem, principalmente, a Heráclito Rollemberg. “Eles bloquearam poucas ruas, mas a orientação é que os motoristas evitem a área do Terminal do DIA. A região só será liberada com o fim da paralisação”, orienta.

Greve

Os trabalhadores reivindicavam o cumprimento da ordem judicial e o pagamento de ticket alimentação no valor de R$ 360 reais, que está em atraso desde o mês de

Doméstica estava indo para o trabalho

maio, além de férias e horas extras. Os rodoviários informaram que se não receberem o pagamento até às 8h30 vão parar as atividades e impedir a entrada de veículos de outras empresas nos terminais.

Setransp

A assessoria de comunicação do Setransp enviou nota sobre a paralisação:

"O presidente do Setransp Adierson Monteiro e o superintendente José Carlos Amâncio, estão, pessoalmente, buscando junto à SMTT e a empresa de ônibus Viação Cidade de Aracaju – VCA – uma solução para os funcionários da empresa que paralisaram os trabalhos nesta quinta-feira, 27, alegando atraso no pagamento salarial. Em nota à imprensa, o Setransp reafirmou que vem cumprindo integralmente com os repasses à VCA e com as demais empresas que operam o sistema de transporte na Grande Aracaju, mas lamentou o fato de não ter sido dado prioridade ao pagamento dos funcionários pela VCA. “Entendemos a dificuldade e nos solidarizamos com a situação com a qual a empresa VCA passa. Porém, cada empresa tem o seu repasse devido e o Setransp não pode interferir em compromissos de cada empresa com repasse de outras. O sindicato não tem qualquer responsabilidade sobre a questão com a VCA e seus colaboradores, mas está mobilizado para ajudar a encontrar uma solução”, disse o superintendente José Carlos Amâncio, afirmando que o Setransp espera que o sistema volte à normalidade o quanto antes para que a população não seja ainda mais prejudicada com o congestionamento causado nas proximidades dos terminais com a paralisação do serviço de rodoviários da VCA".

Por Adriana Freitas e Kátia Susanna

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais