Continua polêmica do caso André Barros

0

Embora não haja comentários em público, o “staff” governamental anda preocupado com o desenvolvimento do “affair” André Barros. A sua saída da Secretaria de Comunicação e a fixação de residência na capital federal não arrefeceram os ânimos. O Ministério Público continua as investigações, com um dado novo, o depoimento do proprietário – pelo menos no papel – da Atalaia News, Hugo Amaral, afirmando que o verdadeiro dono da emissora, que já saiu do ar, era André Barros. Agora, o Ministério Público investiga se Barros era – ou é – também sócio da TV Cidade, com capital constituído a partir de desvio de dinheiro da Secom. A coisa se complicou de tal maneira que o atual secretário, Luiz Fialho, recebeu ofício do Ministério Público “sugerindo” que se evitassem publicidades na TV Cidade.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais