Corpo de caminhoneiro morto na BR-101 permanece no IML

0
Caminhoneiro foi assassinado na última terça (Foto: Grupo Whatsapp/JP & Ana)

Permanece no Instituto Médico Legal (IML) o corpo do caminhoneiro Luiz Carlos da Silva Oliveira, 43, morto a tiros na madrugada da terça-feira, 11, no Km 76, na BR-101, no município de Maruim.

O corpo de Luiz Carlos deu entrada no Instituto às 8h16, de ontem. Conforme a assessoria de comunicação da Secretaria de Segurança Pública (SSP), como o caminhoneiro é do estado de Minas Gerais, é necessário que seja feita uma procuração registrada em cartório para que outra pessoa seja procurador, ou seja, faça a liberação do corpo. Neste caso, a família da vítima fez o documento para que uma empresa funerária realizasse a liberação.

De acordo com a SSP, os principais suspeitos do crime são o ex-presidiário Paulo Henrique dos Santos, morto em confronto com a polícia na noite de ontem, e seu comparsa, conhecido como ‘Luiz Touro’.

Ambos também são suspeitos de assaltar um ônibus na madrugada do dia 3 de dezembro. Segundo a SSP, ‘Luiz Touro’ continua foragido.

por Yago de Andrade
Com informações da SSP

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais