Crime contra o jegue:Audiência é remarcada para setembro

0

Audiência foi remarcada para setembro (Foto: Arquivo Infonet)

Foi remarcado para o dia 4 de setembro às 11h30 no Fórum do município de Graccho Cardoso, o julgamento do caso do jegue que foi arrastado pelas ruas do município.

A audiência de instrução e julgamento foi aberta nesta quarta-feira, 12, mas foi remarcada por conta da impossibilidade do advogado de defesa do idoso Celso Costa Ferreira, de 76 anos, em permanecer na audiência. Na oportunidade, o juiz ainda nomeou a advogada Ana Lúcia Regueira de Freitas, como Defensora Dativa do réu, em caso do não comparecimento do idoso e de seu advogado na próxima audiência.

Presente na audiência, a presidente da ONG Educação e Legislação Animal (ELAN), Nazaré Morais, está confiante e acredita que o idoso receba a pena máxima [até 1 ano e 4 meses]. “A gente espera que a pena seja máxima, apesar de saber que ele não vai ficar preso, pelo fato dele ser réu primário, mas estamos confiantes. A vida dele deve estar mudada depois do que ele fez, mas esse crime não está impune”, diz.

Nazaré Morais ainda aproveitou a oportunidade para fazer um apelo para o caso do cavalo que foi vítima de maus tratos e faleceu no início da semana no centro da cidade. Ela pede que quem souber o paradeiro do acusado que ligue para o 181 e denuncie para que esse caso seja levado adiante e não fique impune. 

Caso

O caso do jegue ocorreu no dia 16 de fevereiro deste ano, quando o jegue foi amarrado vivo a uma caminhonete e arrastado por um trecho de aproximadamente quatro quilômetros. Mesmo após receber atendimento, o jegue não resistiu e faleceu.

Primeira audiência

Em março deste ano, aconteceu uma audiência sobre o caso, onde o Ministério Público propôs uma pena pecuniária no valor de R$ 50 mil, mas que foi rejeitada pela defesa, que alegou falta de condições financeiras do acusado para assumir a dívida.

Por Aisla Vasconcelos

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais