CUT realiza manifestação no centro da cidade em prol de suas bandeiras de luta

0

Manifestação da CUT no centro da cidade. (Foto: Portal Infonet)
A Central Única dos Trabalhadores, CUT, realizou na manhã de hoje, 27, uma manifestação pública de fim de ano para reafirmar suas bandeiras de luta. O protesto é tradicionalmente feito todo ano como forma de fazer um balanço do que foi conquistado e do que ainda precisa ser reivindicado.

“É importante que se faça um balanço as cobranças feitas pela CUT que não lograram para que se possa recomeçar a luta”, ressalta o presidente da CUT, Dudu Marques, que acrescenta à manifestação as lutas trabalhistas já conhecidas como a reafirmação da pauta pela redução da jornada de trabalho sem redução salarial, proibição da demissão desmotivada, defesa do fechamento do comércio aos domingos, que para o presidente, já foi comprovado que não gera mais empregos e sim, explora os já existentes.

Além destes, a nova pauta é a manifestação contra a implantação de uma usina nuclear em Sergipe. “É desnecessário, se for olhar os prós e os contras, não vale a pena”, contesta o presidente da CUT. Ele acrescenta ainda que é necessário que se faça um plebiscito e que durante toda a semana que vem a CUT realizará enquete com a população sobre o assunto.

Nova bandeira de luta da CUT: “Sergipe não precisa de Usina Nuclear”. (Foto: Portal Infonet)

A manifestação contou também com diversos outros sindicatos como o Sintese e o Sindicato dos Técnicos e Auxiliares de Enfermagem do Estado de Sergipe (STASE). “Nossa participação é para relembrar a importância do trabalhador da saúde e do SUS”, comentou o vice-presidente do STASE, Valmir dos Santos. Além dele, o diretor do Sintese e diretor de juventude da CUT, Roberto da Silva, ressaltou a importância da manifestação. “Precisamos reafirmar nossas lutas em prol do trabalhador”, protestou.

Comentários