Deputado preocupado com projeto de reajuste dos PMs

0

Durante o expediente da Assembléia Legislativa, o deputado estadual Francisco Gualberto (PT) afirmou que o Governo do Estado vem realizando propaganda enganosa ao anunciar que os policiais Militares teriam ganho com o novo reajuste.

 

Gualberto disse ter estudado o projeto original, que reajusta o vencimento, observando que o soldado engajado passa a ganhar, com o novo reajuste R$ 318,00, perfazendo um total de R$ 834,32 se tiver a gratificação de R$ 230,00. Entretanto, se não tiver a gratificação, o salário será de R$ 604,32, diferentemente do que alardeou o governo do Estado.

 

Alguns deputados assinaram uma série de emendas apresentadas pela deputada estadual Ana Lúcia (PT), num total de 21, que foram todas rejeitadas pela bancada do governo. Preocupado com as perdas detectadas pelos policiais, o deputado chegou ainda a sugerir ao líder do governo para que retirasse o projeto de votação para uma melhor discussão dos policiais e que voltasse para votação na próxima segunda-feira, mas não foi acatado.

 

O deputado explicou que votou contra o projeto de reajuste dos Policiais Militares, por não atender os anseios da categoria. “Se projeto atendesse os anseios da categoria não tenho duvidas que toda a bancada de oposição teria votado favorável, portanto solicito à bancada de oposição e policiais militares a saída do plenário como forma de não sermos cúmplices de tamanho massacre” concluiu.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais