Fim de semana tem seis casos de violência contra mulher

0
Seis homens são presos por agressões a mulheres em Sergipe (Foto: Arquivo Infonet)

Seis casos de violência doméstica foram registrados durante este fim de semana em Sergipe. Nos Boletins de Ocorrência, relatos de mulheres que foram agredidas fisicamente e coagidas por maridos, namorados, irmãos e filhos. Este é o índice recorde desde o início do ano, quando foram denunciados três casos no primeiro dia.

No último domingo, 28, no Mosqueiro, Zona de Expansão da capital, uma senhora de 57 anos foi alvo de socos e cotoveladas do próprio filho, de 25 anos que, segundo ela, é usuário de drogas e a ameaça constantemente. A mulher ficou ferida na cabeça e, revoltada, procurou a polícia. O homem foi preso em flagrante.

Outro lamentável registro manchou um casamento de 25 anos no conjunto Fernando Collor, em Nossa Senhora do Socorro. Após descobrir que o companheiro tinha uma amante, mais uma vítima passou a receber ameaças do cônjuge. Ao voltar bêbado para casa na noite da sexta-feira, o homem jurou matar a mulher e as duas filhas. Depois de ser perseguida dentro de casa, conseguiu fugir e chamar a polícia.

Um homem agrediu a namorada durante a comemoração do aniversário da sogra, no último sábado, 27. O acusado a chamou para o quarto e desferiu socos e tapas. Depois, a hostilizou e tentou continuar com os atos de violência em frente aos convidados.

Todos os suspeitos foram contidos pela Polícia Militar (PM) e foram presos. Eles serão enquadrados na Lei Maria da Penha e responderão por violência doméstica. Outros casos aconteceram no bairro 13 de Julho, em Aracaju, no loteamento Novo Horizonte, em Socorro, e em Laranjeiras.

Por Victor Siqueira 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais