Funcionários de fábrica em Propriá temem demissão

0
Sinditextil já tomou ciência do caso (Foto: Arquivo Infonet)

Cerca de 60 funcionários que trabalham da empresa Hematec [Fábrica de Malharia], situada no município de Propriá, estão apreensivos com a possibilidade de demissão.

Os funcionários alegam que os maquinários estão sendo recolhidos e levados da empresa. Desta forma, os trabalhadores temem que tal atitude signifique o fechamento da empresa futuramente. O fato já foi comunicado ao Sindicato dos Trabalhadores na Indústria Têxtil de Sergipe (Sinditêxtil).

De acordo com o presidente do Sinditêxtil, Dilson Gama, os trabalhadores estão apreensivos. “De ontem para hoje já estão levando os maquinários, sendo que quatro, que são da produção já foram levados. Os funcionários estão com medo de serem surpreendidos porque como os maquinários estão indo embora, eles suspeitam de que futuramente a empresa possa fechar e eles serem demitidos”, afirma.

O Sindicato pretende tentar uma reunião com o secretário de Indústria e Comércio na tentativa de saber se ele já tomou ciência da situação.

A equipe do Portal Infonet entrou em contato com o gerente da Hematec, Anderson Luiz Leite, que informou que a diretoria nunca tratou do assunto de fechamento da empresa. Segndo a gerente, a informação não passa de boato dos funcionários. Quanto à retirada dos maquinários, o gerente informou que tudo está normal.

Por Aisla Vasconcelos

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais