Funcionários do TJ/SE poderão obter financiamento para casa própria

0

Os servidores do Tribunal de Justiça de Sergipe (TJ/SE) poderão adquirir a casa própria através de um convênio com a Caixa Econômica Federal. A idéia foi da presidente do Tribunal de Justiça, a desembargadora Marilza Maynard e consiste numa linha de crédito para financiamento habitacional.

 

O projeto está na fase de procura pelo terreno que possa servir para a construção das unidades habitacionais. Para ser candidato, além de aprovado por concurso público do Poder Judiciário, o servidor precisa ter renda familiar não superior a R$ 2.500,00, com comprometimento inicial máximo de 30% da renda bruta. O interessado não pode ser proprietário ou promitente comprador de imóvel residencial e deve apresentar  idoneidade cadastral, exceto SPC, inclusive do cônjuge, se houver.

 

Os interessados em participar devem ainda optar por receber seus vencimentos através da agência Fausto Cardoso da Caixa Econômica e autorizar o débito automático das prestações na conta corrente.  A soma da idade com os prazos de construção e financiamento não poderá ultrapassar 80 anos.

 

Uma das possibilidades é a de uso da FGTS do cônjuge. Está previsto também desconto no cálculo da prestação para aqueles que possuam renda bruta familiar de até R$ 1.500,00. Além disso, poderão ser feitas adaptações e reformas, salvo aquelas que possam comprometer a estrutura do imóvel.

 

Para Marilza Maynard, o projeto “é um programa que valoriza os servidores do Poder Judiciário, melhorar a qualidade de vida das famílias envolvidas e desperta novos sonhos para o futuro”. Os candidatos têm até o próximo dia 5 de setembro para preencherem o formulário de participação.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais