Há 85 dias em pandemia, Sergipe registra seu pior isolamento semanal

0
Números de pessoas que têm ido as ruas crescem a cada semana (Foto: Arthur Soares/Portal Infonet)

Na medida em que a situação se agravasse, a expectativa das autoridades na linha de frente contra a Covid-19 é que o isolamento social fosse fortalecido entre a população. Porém, nesta última semana desde que iniciado o período de quarentena, Sergipe atingiu sua pior média de isolamento social: 38%. Os dados são do Observatório de Sergipe, em análise que compreendeu do dia 1 a 7 de junho. Veja abaixo a comparação com as outras semanas de isolamento.

Dados são do Observatório de Sergipe. Desde o início da quarentena, em 16 de março, números de isolamento não eram tão baixos

Dois dias após a divulgação dos dados pelo Observatório de Sergipe, o estado superou a marca dos 10 mil casos da Covid-19. O número de mortes provocadas pela doença também subiu para 252.

Nos últimos boletins epidemiológicos divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), os números de novos diagnósticos para a Covid-19 têm se mantido acima dos 300 casos por dia.

O aumento exponencial de casos fez com que o Governo do Estado, por exemplo, adiasse mais uma vez a apresentação do plano de reabertura do comércio, que estava datado para a última semana. Agora, o decreto que determina o isolamento social, segue até o próximo dia 15 de junho – e ainda não há sinalização se será prorrogado ou flexibilizado, após essa data. No último boletim, nenhum município sergipano supera o índice de 50% de isolamento.

Por Ícaro Novaes

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais