Homem encontrado morto em rio era ex-presidiário

0
Corpo foi removido até às margens do rio Sergipe, no Bairro Industrial (Foto: Portal Infonet)

A Delegacia de Maruim está apurando a morte de José Luiz dos Santos Júnior, de 35 anos, o homem que foi encontrado morto por pescadores no Rio Pomonga, em Santo Amaro das Brotas, na última segunda-feira, 30. As informações colhidas até o momento apontam que a vítima estava desaparecida desde o dia 12 de julho.

De acordo com o delegado Ataíde Alves de Menezes, José Luiz era ex-presidiário, acusado de homicídio. Em exames realizados pelo Instituto Médico Legal (IML) foram identificadas perfurações provocadas por arma de fogo no corpo da vítima. “Ele estava desaparecido desde o dia 12 de julho, quando saiu de casa para receber um dinheiro”, disse o delegado.

Testemunhas e parentes de José Luiz estão sendo ouvidos para que a morte seja esclarecida. Ainda não há linha de investigação definida, mas a Polícia Civil não descarta a hipótese de um acerto de contas. “Vários motivos podem ter levado à morte dele. Vamos continuar ouvindo pessoas próximas para descobrir seus últimos passos e com quem ele estava”, explicou. O inquérito tem prazo de 30 dias para ser concluído, podendo ser prorrogado pelo mesmo período.

Relembre

O corpo foi avistado boiando por pescadores no Rio Pomonga, em Santo Amaro das Brotas. Os homens acionaram o Corpo de Bombeiros. Na manhã do dia 30 de julho, as equipes removeram a vítima às margens do Rio Sergipe, na Orlinha do Bairro Industrial e acionaram o IML.

por Jéssica França

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais