Homem liga para PM, diz que matou companheira asfixiada e foge

0
Local onde aconteceu o crime (Foto: Facebook Aracaju Agora Notícias)

Mais um caso de violência contra a mulher foi registrado em Aracaju. No final da manhã desta quarta-feira, 13, um homem ligou para a Polícia Militar, confessando o crime. Aos policiais, por telefone, ele afirmou que teria asfixiado e matado a companheira dentro da residência, no bairro Cidade Nova.

A morte da mulher, identificada apenas como Lorayne, foi confirmada pelo Instituto Médico (IML), que já removeu o corpo, mas ainda não identificou a causa. Conforme informações da equipe da PM5, o setor responsável pela comunicação social da Polícia Militar, o homem se identificou como Diego e prometeu se “entregar” à polícia, marcando encontro na Praça da Colina do Santo Antonio.

Os policiais seguiram para o local indicado, mas não encontraram o suspeito. A equipe do 8º Batalhão da Polícia Militar continua realizando diligências, mas não conseguiu localizar o homem. O corpo da mulher, conforme o IML, foi encontrado dentro de uma casa na rua Manoel Dantas, 63, no bairro Cidade Nova. O caso será investigado pela Polícia Civil. Há suspeita de que se trata de feminicídio.

por Cassia Santana

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais