Idosa morre após estupro e espancamento no interior

0

Idosa recebe atendimento no Huse, mas não resiste e morre (Foto: Arquivo Portal Infonet)

Uma idosa foi estuprada e espancada até a morte em Santa Luzia do Itanhy, município distante 77 km da capital. O crime foi praticado no domingo, 17, e a senhora Laurinda Ferreira, 79, faleceu na manhã desta terça-feira, 19, no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). Os primeiros levantamentos realizados pela polícia local indicam que a violência teria sido praticada por adolescentes. Pelo menos um deles já foi identificado, mas ainda não foi apreendido.

Conforme a polícia, a idosa estava em casa, numa localidade conhecida como Taboa naquele município. Os adolescentes invadiram a residência e violentaram a senhora. O filho dela também estava em casa, tentou impedir a ação criminosa, mas também foi agredido com pauladas na cabeça.

O crime causou revolta. De acordo com o boletim médico do Hospital de Urgência de Sergipe, a idosa deu entrada no hospital às 20h do domingo com o corpo marcado por escoriações e o braço direito quebrado. Ela foi encaminhada à ala vermelha para estabilização, fez uso de seis medicações, passou por oxigenoterapia [administração de oxigênio suplementar] e realizou vários exames e avaliação clínica. No entanto, a idoso não resistiu e faleceu.

A assessoria de imprensa do hospital informou que a causa da morte só será identificada após a autopsia, que será feita pela equipe do Instituto Médico Legal (IML). No entanto, o corpo ainda não foi removido.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais