Ilegalidade da greve dos professores

0

Agora que conseguiu a declaração de ilegalidade da greve dos professores – concessão do juiz de Direito Osório de Araújo Ramos Filho – o governo do Estado vai agir duro com a classe. Para começo de conversa, o corte de ponto dos professores já vai ocorrer a partir do dia da concessão da ilegalidade, ou seja, anteontem. O governo não afasta sequer a possibilidade de demitir alguns líderes mais radicais da greve. Os professores têm assembléia hoje à tarde – vão definir o que fazer, embora o ânimo entre a classe é que a greve deva prosseguir. Nessa quebra de braço, quem sai perdendo é o estudante.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais