IML: 16 homicídios registrados no fim de semana

0
IML: mais de 66% das mortes violentas são homicídios (Foto: Arquivo Portal Infonet)

Os homicídios predominam entre as mortes violentas registradas em Sergipe durante o final de semana. Entre os 24 corpos removidos para análise da equipe técnica do Instituto Médico Legal (IML), 16 são de vítimas de homicídios, incluindo os dois homens mortos em suposto confronto com a polícia civil na sexta-feira, 6, no bairro Santa Maria, em Aracaju. O número de homicídios registrado entre a sexta-feira, 6, e a madrugada desta segunda-feira, 9, representam mais de 66% das mortes violentas apuradas pelo IML.

O maior número foi registrado entre a sexta-feira, 6, e a madrugada do sábado, 7. Neste período, foram sete homicídios, o que representa a totalidade das ocorrências atendidas pelo Instituto Médico Legal naquele dia.
Além dos homicídios, o IML removeu três corpos de vítimas de acidentes de trânsito, três por queda e duas mortes ainda não esclarecidas.

Homicídios

Nos sete homicídios registrados entre a sexta e a madrugada do sábado, foram vítimas Pabulo Henrique Silva Nascimento, 20, vítima de arma de fogo no bairro Soledade em Aracaju; Carlos Henrique de Araújo, 27, no bairro São Carlos; Higor Ruan Souza Vieira, 21, em Itabaiana; José Cláudio dos Santos da Hora, 31, no areal do povoado Caroba, em Areia Branca; Bruna Jaiana Alves de Souza, 23, no bairro América; e os dois rapazes, identificados como André da Silva Ferreira, 30, e Joseilson Alves Santos, 20, vítimas do suposto confronto com a polícia.

No sábado, 7, foram três homicídios: Fabrício Soares da Silva, 23, atingido por tiros no Santa Maria; Paulo Oliveira da Silva, 59, no povoado Pedra Branca, em Laranjeiras, e André de Jesus Almeida, 29, no bairro Campo da Vila, em Lagarto.

No domingo, 8, foram seis vítimas: José Antonio dos Santos de Jesus, 25, morto a tiros em Santa Luzia do Itanhy; Robson Santos, 25, no Conjunto Marcos Xavier, em Cristinápolis; Adevando Melo Dias, 29, no Conjunto José Bedeu, em Macambira; Adeilson Ramos Dantas, 22, no povoado Cabrita, em São Cristovão, e Adson Silveira Alves, 29, que sofreu espancamento no povoado Olhos D´Água, em Lagarto.

Os homicídios serão investigados pela Polícia Civil.

Por Cássia Santana

Comentários