IML registra sete mortes violentas em um dia

0

IML remove corpos (Foto: Arquivo Portal Infonet)

O Instituto Médico Legal (IML) registrou sete mortes violentas, cujos corpos chegaram àquele instituto entre as 8h30 e 22h desta segunda-feira, 18. Foram dois homicídios, duas mortes ocorridas em dois acidentes de trânsito, duas por afogamento e uma por queda.

Thiago Feitosa da Cruz, 25, foi assassinado a tiros em um povoado no município de Lagarto, e Robson Leandro Rosa Resende, 23, foi morto com golpes de arma branca, no Jardim Centenário, em Aracaju.

Genivaldo Manoel Bonfim, 55, foi atropelado em Umbaúba, não resistiu aos ferimentos e morreu no local do acidente. José Ricardo de Jesus dos Santos também foi vítima de acidente de trânsito, ocorrido no Estado da Bahia, e faleceu no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse).

Duas pessoas morreram por afogamento. Ambos os corpos permanecem sem identificação no IML. Um afogamento foi registrado em Cristinápolis e o outro no Fernando Collor, em Nossa Senhora do Socorro. Há suspeita que a vítima do Fernando Collor teria sido assassinada e o corpo jogado no rio, mas o IML registra como afogamento a causa da morte.

O idoso Valdemar dos Santos, 74 anos, é mais uma vítima de queda. Ele caiu da própria altura em Aracaju e morreu no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse).

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais