Importunação sexual: Justiça concede liberdade provisória a jogador

0
Foi arbitrada fiança no valor de R$ 11 mil (Foto: Freepik)

O jogador de futebol, Fábio Almeida de Jesus, preso em Aracaju no último domingo, 24, em flagrante pelos crimes de importunação sexual e lesão corporal dolosa, passou por audiência de custódia nesta segunda-feira, 25, e a Justiça concedeu liberdade provisória ao suspeito, após arbitrar fiança no valor de R$ 11 mil.

Além do pagamento da fiança, o suspeito terá que comparecer bimestralmente ao Juízo de origem para informar e justificar suas atividades; fica proibido de frequentar bares, até que ocorra o arquivamento do procedimento investigatório ou, na hipótese de oferecimento de denúncia, enquanto durar o processo; está proibido de manter contato com as vítimas e as testemunhas, por qualquer meio de comunicação, devendo manter uma distância de 500 metros das referidas pessoas; não pode ausentar-se da comarca em que reside sem autorização judicial; e durante 120 dias não poderá ficar fora de casa à noite, depois das 20h.

Fábio foi preso em flagrante no domingo em um bar na Praia de Aruana pelos crimes de importunação e lesão corporal dolosa.  De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP/SE), o homem passou a importunar uma mulher que estava em um estabelecimento comercial, e em determinado momento se aproximou e encostou suas partes íntimas na perna da vítima.

A mulher reagiu e os seguranças do local se aproximaram para intervir na situação. O suspeito quebrou uma garrafa de cerveja e feriu o proprietário do bar. O atleta foi preso e conduzido ao Departamento de Atendimento aos Grupos Vulneráveis (DAGV).

Por Karla Pinheiro

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais