Infonet Pixels

0

Governador anuncia subsecretarias para a Casa Civil

Hoje ocupando a Secretaria de Relações Institucionais, o vereador José Francisco dos Santos, o Chico buchinho, vai ser o ocupante da subsecretaria que, no âmbito da Casa Civil, vai cuidar do relacionamento com os movimentos sindicais e, inclusive, organizar e dirigir a Mesa de Negociações.

A criação desta subsecretaria e mais outras três foi anunciada pelo Governador Marcelo Deda na solenidade de ontem pela manhã no auditório do Palacio do Governo. Além de anunciar todo o seu Secretariado, o governador abriu todas as informações relativas á reforma administrativa, cujo projeto está hoje em preparo para ser enviado à Assembléia Legislativa até o dia 15 de fevereiro próximo. Só depois da aprovação é que a reforma administrativa será implementada.

O governador só não deu informações sobre como ficam órgãos do segundo escalão. Por exemplo: o DER sai da Secretaria de Infra-estrutura e vai para a nova Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Saneamento, Habitação e Transporte? É uma questão a se acompanhar. Alguns nomes importantes deixam o governo em definitivo? É o caso do Sr. Bosco Mendonça… Vai para onde, afinal?

CVC confirma resorte no Mosqueiro

O empresário Guilherme Paulus, presidente da CVC – uma das maiores empresas da área de turismo do país – está expandindo seus negócios para o ramo da hotelaria, vai entrar no mercado das classes C e D. Ele vai investir no primeiro “resort popular” em área nobre: a praia do Mosqueiro, em Aracaju. Até pouco tempo atrás, Paulus planejava construir uma dezena de bangalôs de alto luxo no meio do mar de Mosqueiro. Os planos mudam – e agora serão centenas de apartamentos que, por R$ 200 por dia, poderão abrigar até quatro pessoas no sistema “all inclusive”, com café da manhã, almoço e janta já incluídos no preço.

PSB disputa com o PT indicações do 2º escalão

O PSB (Partido Socialista Brasileiro) disputa com o PT (Partido dos Trabalhadores) o comando de companhias estratégicas no Nordeste, como a Chesf (Companhia Hidrelétrica do São Francisco) e Codevasf (Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco). PT e PSB desejam, ainda, indicar diretores da Sudene e do DNOCS, hoje com o PMDB. Já o PSC que cresceu nas últimas eleições, diz-se completamente ignorado. A sigla elegeu 17 deputados, contra 15 do PCdoB, mas não conta com nenhum ministério, enquanto o PCdoB permanece com Esportes. O PDT, por sua vez, reivindica a nomeação do Senador Osmar Dias para a presidência de Itaipu e do deputado Dagoberto Nogueira, para a Eletrosul. As insatisfações dos partidos chegaram a níveis tais que a presidente suspendeu as nomeações para estatais e empresas públicas até fevereiro, quando o Congresso define seus presidentes: uma forma de controlar eventuais traições.

Tabela do IR não será reajustada

A decisão do governo federal de não reajustar a tabela do imposto de Renda prejudica o contribuinte brasileiro, já submetido a uma carga brutal de tributos. O problema surgiu em 1995. Com a inflaçlão controlada pelo Plano Real, o governo Fernando Henrique Cardoso acabou com a correção automática, no esforço de desindexar a economia. Nos últimos 15 anos, tanto Fernando Henrique Cardoso quanto Lula concederam reajustes abaixo da inflação, o que aumentou a distorção. O tucano manteve a tabela congelada até 2001 e deixou o governo com uma disparidade de 50%. O petista, aianda que tenha efetuado algumas correções, também não resolveu o problema integralmente.

O resultado é que a defasagem acumulada nos últimos 16 anos chegará a 70%, em 2011, segundo cálculos do Sindifisco Nacional. O efeito é nefasto para o contribuinte, que paga um Imposto de Renda cada vez maior em relação à proporção do seu salário, em geral corrigido pelo índice oficial de preços. Ao não reajustar a tabela, o governo reforça seu caixa em um ano de contenção de gastos. Havia no entanto outras fontes para obter recursos – afinal, o Brasil terminou 2010 com uma carga tributária recorde de 37%

*** Quem diria! O ainda deputado (mas no dia 1º próximo, ex) João da Graças, aquele ideólogo que deu um tiro na bunda do primo, agora é secretário do dr. Deda! Vejam só as voltas que o mundo dá…

*** Muitos municípios ainda não pagaram os salários de dezembro e o 13º mês aos servidores públicos. Os servidores desses lugares devem ter inveja dos colegas de Aracaju.

*** É que estes receberam a segunda parcela do 13º no dia 13 de dezembro e o salário do mês no dia 24, véspera de Natal. Há mais de 10 anos que os servidores de Aracaju não sabem o que é atraso de salário.

Por Ivan Valença

 

 

        

 

                            


 

Comentários