Interno do Copemcan morre após participar de audiência

0

Marcelo Pedral dos Santos estava preso sob acusação de homicício (Foto: Sejuc)
Na manhã da última terça-feira, 25, um interno do Complexo Penitenciário Manoel Carvalho Neto (Copemcan), em São Cristóvão, morreu após participar de uma audiência que tratava do crime de homicídio ao qual respondia. A suspeita é de que Marcelo Pedral dos Santos sofreu um enfarte.

De acordo com o diretor do Departamento do Sistema Penitenciário (Desipe), Manoel Lúcio Neto, ao ser encaminhado para a cidade de Itabi o detento disse que sentia enjôos. Os policiais que o escoltavam colocaram-no na parte da frente da viatura, até a chegada àquele município. Durante e após a audiência, Marcelo estava bem e inclusive conversou com familiares.

O delegado Everton Santos investiga o caso
“Na volta de Itabi ele pediu para ficar no banco de trás da viatura, pois queria dormir. Os policiais só se deram conta da morte ao tentar acordá-lo, quando chegaram ao Copecam”, relatou Lúcio. O diretor do Desipe disse, ainda, que a família já foi informada sobre falecimento do homem.

Todos os procedimentos para a investigação do ocorrido já foram realizados. O caso está nas mãos do delegado Everton Santos. O laudo que atestará o motivo da morte de Marcelo Pedral será divulgado em até 30 dias.

 

Por Diogenes de Souza e Kátia Susanna

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais