Isolamento impulsiona busca por arquitetos para obras e reformas

0
Comportamento do consumidor em relação à pandemia foi o principal fator que fomentou o mercado da construção civil (Foto: Freepik)

Com a necessidade de passar mais tempo em casa devido à pandemia da covid-19, a busca por tornar o ambiente residencial mais agradável ganha mais força. Nesse quesito, a arquitetura desempenha um papel indispensável para executar planejamentos, acompanhar as obras e reformas, além de aprovar os resultados finais.

De acordo com o arquiteto Lucas Lima, houve um aumento na demanda pelos profissionais de arquitetura nesta época de pandemia, fator que está relacionado também ao aquecimento do mercado imobiliário. “As pessoas estão passando mais tempo em casa, por isso, elas prestam mais atenção na casa e em coisas que desejam e necessitam mudar, como por exemplo, um novo escritório para quem trabalha de home office ou um nova reorganização de espaços em situações onde os pais com filhos pequenos perderam sua concentração e privacidade por habitarem locais pequenos”.

Arquiteto Lucas Lima (Foto: Arquivo pessoal de Lucas Lima)

De acordo com o arquiteto, a procura por arquitetos aumentou porque o comportamento do consumidor mudou. “Os espaços passaram a ter um papel essencial na vida das famílias. Estando mais tempo em casa, as pessoas buscam mais espaço, privacidade e, principalmente, conforto.  O mercado da construção civil de pequeno porte está impulsionado, justamente por essa mudança provocada pela pandemia, que para outros setores trouxe consequências negativas”, explica.

Lucas Lima cita uma outra tendência que está em alta no Brasil: a interiorização. “Pelo fato de as pessoas estarem buscando mais privacidade e espaço, houve uma tendência de interiorização, que se resume a se mudar para zonas de expansão ou cidades no interior. As pessoas que fazem isso buscam uma válvula de escape para obter mais conforto e priorizar a possibilidade de home office ou trabalho híbrido, ou seja, online e offline”, explica. “A zona de expansão de Aracaju, algumas cidades no interior sergipano e o município da Barra dos Coqueiros são exemplos de locais que estão dentro dessa tendência”, completa.

Entendendo o trabalho do arquiteto

De acordo com Lucas Lima, a palavra-chave ‘planejamento’ resume o trabalho do arquiteto. “Dentro do planejamento, são desenvolvidas as linhas do projeto, conceito, projetos complementares, bem como a escolha de acabamentos e o direcionamento financeiro. Ainda no papel, analisamos como deixar o ambiente mais ventilado, iluminado e agradável. O arquiteto também pode avaliar todo o processo antes de sua efetiva construção e, por meio da tecnologia, reduzir possíveis erros de obra e apresentar todo projeto em 3D para o cliente. É esse profissional que traz qualidade e velocidade ao projeto,  acompanhando todo o processo de execução e gerando maior qualidade final ao que se deseja construir”, destaca.

Ainda segundo o arquiteto, é importante, na hora de reformar um ambiente, buscar um profissional arquiteto para prestar os devidos auxílios. “Se a pessoa se arrisca em começar uma reforma sem buscar um arquiteto, ela pode estar se sujeitando a ter mais gastos financeiros e principalmente mais estresse. O planejamento de um profissional é fundamental para que qualquer mudança seja bem-sucedida”, ressalta.

Por Isabella Vieira e Verlane Estácio

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais