Juros aumentam

0

Enquanto o Copom na sua reunião da última quinta-feira estabeleceu mais uma alta – agora de meio por cento – para as taxas de juros Selic, os bancários continuam a sua luta por um reajuste maior nos seus vencimentos. O governo do presidente Lula foi avisado que as taxas de juros aumentariam, para desespero de empresas que precisam fazer investimentos.

Esse é mais um tiro numa política desenvolvimentista para o país. Os juros estão agora em 16,75%, o que é uma taxa bastante elevada para um país que busca reencontrar o caminho do crescimento econômico. Já os bancários acenam para uma nova temporada de greve, possivelmente a partir desta semana.

 

É que o Tribunal Superior do Trabalho concedeu à categoria um reajuste de 8,5%, justo a taxa oferecida pelos banqueiros. Os bancários não gostaram e entre hoje e amanhã realizam novas assembléias gerais para definir o que fazer.

 

Por Ivan Valença

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais