Justiça determina volta do reitor da UFS

0

No final da manhã de hoje, o reitor da Universidade Federal de Sergipe, professor José Fernandes Lima, retornou às suas atividades por determinação do desembargador Francisco Wildo, do Tribunal Regional Federal da 5ª Região. O desembargador deferiu o pedido de efeito suspensivo a recurso impetrado pela UFS, suspendendo decisão do juiz federal Edmilson Pimenta, que na última terça-feira determinou o afastamento do reitor José Fernandes de Lima, em função da sua aposentadoria como professor da UFS. Na sua decisão, o desembargador Francisco Wildo explica que a “destituição do reitor do seu cargo poderia acarretar prejuízos irreparáveis às atividades administrativas da própria universidade, interrompendo uma política de gestão que vem sendo implementada por mais de sete anos”. Ainda segundo o desembargador, “o ato de aposentação do reitor ocorreu desde 10 de outubro de 2001, de forma que, a princípio, mostra-se temerário o seu afastamento do cargo nos últimos meses de seu mandato, notadamente porque não há notícias nos autos de quaisquer irregularidades ou atos de improbidade administrativa de sua autoria que viessem reforçar a necessidade imperiosa de sua imediata destituição da função que vem desempenhando”.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais