Lixo leva 200 voluntários ao litoral aracajuano

0

Camisinhas e copos usados foram alguns dos itens mais encontrados pela areia das praias (Fotos: Portal Infonet)

Ação levou estudantes à praia

Adolescente considera importante cada um recolher o seu lixo

Cerca de 200 voluntários se espalharam neste sábado, 16, pelas praias aracajuanas para ajudar a reduzir a quantidade de lixo presentes no local. O grupo também tentou conscientizar a população sobre o impacto do material descartado. Camisinhas e copos usados foram alguns dos itens mais encontrados pelo litoral. A ação comemora o Dia Mundial de Rios e Praias Limpas.

Intitulada “Ajuda Aju”, o projeto foi desenvolvido pelo Receptivo Aju, em parceria com o Aju Hostel e o Projeto Tamar e atraiu a ajuda de alunos e professores do Instituto e da Universidade Federal de Sergipe (IFS e UFS). A estudante Greice Kelly, 22, do curso superior de Gestão em Turismo do IFS lembrou que a proliferação do lixo influencia negativamente a vida marinha e dos seres humanos. “Os animais acabam ingerindo a poluição e nós, humanos, podemos ser contaminados por doenças e infecções a partir do lixo”, refletiu. “De pouco em pouco, o lixo se acumula. A gente acha que é uma besteira, mas cada material jogado faz diferença”, diz Greice.

No grupo também estava uma adolescente de 13 anos que se interessou pela ação. Para ela, a solução seria cada um se responsabilizar pelo próprio lixo “Cada um poderia trazer uma bolsa para jogar o que usasse”, disse Ane Mirela.

Também do curso de Gestão Tamires Santos, 24, lembrou como a conservação das praias limpas é importante para turismo. “É necessário manter o espaço agradável para estimular a movimentação turística em Aracaju”, destacou.

Além da limpeza das praias, o grupo também realizou a soltura de tartaguras marinhas sob o auxílio do Tamar.

Por Jéssica França

Comentários