Mãe ainda não conseguiu filho de volta

0
Lara Schuster: fato atípico (Foto: Arquivo Portal Infonet)

O juiz Eliezer Siqueira Júnior, de plantão no Poder Judiciário, expediu mandado de busca e apreensão, obrigando o pai a devolver a criança à administradora Vanessa Ferreira Canaverde Muller, que prestou queixa à polícia contra o ex-companheiro acusado de desaparecer com a criança. O pai da criança teria ido à escola onde pegou o filho e não teria feito contatos, informando o paradeiro da criança.

A mãe, Vanessa Muller, reagiu e prestou queixa à polícia em Boletim de Ocorrência registrado no Departamento de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAGV). Na manhã desta segunda-feira, 5, houve audiência no Juizado da Infância e da Juventude e o pai da criança não compareceu, mas foi representado por um advogado que já ingressou com pedido de reconsideração do mandado de busca e apreensão, segundo informou o advogado Anderson Sales, que atua no processo em favor dos interesses da mãe do garoto, que também luta pela guarda permanente da criança.

Na ótica da delegada Lara Shuster, do DAGV, o Boletim de Ocorrência prestado pela mãe contra a atitude do pai da criança foi considerado como fato atípico. “O Boletim de Ocorrência foi validado como fato atípico porque a princípio não há crime”, observa a delegada. “A criança está com o pai e não há nenhum indício de que a criança esteja em situação de risco”, considerou Shuster.

O Portal Infonet tentou ouvir o pai do garoto, mas não obteve êxito. O Portal permanece à disposição. Informações devem ser enviadas à redação por e-mail [jornalismo@infonet.com.br] ou por telefone (79) 2106 – 8000.

Por Cássia Santana

Comentários