Mais de 1400 famílias foram assentadas em Sergipe

0

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, em Sergipe (Incra/SE), divulgou na manhã nessa terça-feira, 09, os números oficiais do seu balanço de atividades no Estado em 2009. Segundo os números do documento, em apenas 12 meses, 1404 famílias foram assentadas em 28 projetos de assentamento (PA´s) criados nas diversas regiões do Estado.

Números que apontam um crescimento de mais de 119% em relação ao desempenho obtido pela autarquia em 2008, quando foram assentadas em Sergipe 639 famílias, no segundo melhor resultado da última década.

De acordo com o superintendente regional do Incra/SE, Jorge Tadeu Jatobá Correia, os índices históricos atingidos pela reforma agrária nos últimos dois anos refletem o fortalecimento constante da parceria entre os governos federal e estadual. “Os resultados alcançados por essa parceria entre Incra e Governo de Sergipe têm mudado a história da reforma agrária nesse estado. Nesses dois anos, acumulamos recordes e oferecemos mais qualidade de vida às famílias assentadas. O Estado fortaleceu o seu compromisso social e o Incra ampliou investimentos, incrementando um trabalho que já vinha sendo bem executado”, analisou Correia.

Ainda de acordo com o relatório oficial de balanço, somente em 2009 foram aplicados mais de R$ 9,2 milhões em ações desenvolvidas pelo Incra em Sergipe. Um investimento que, segundo o superintendente regional do Instituto, somado à dedicação dos servidores da autarquia, criou condições ideais para a conquista de novos índices históricos. “O fortalecimento dos investimentos e a dedicação dos servidores do Incra foram fatores decisivos para que as parcerias rendessem resultados concretos. E com essa receita, certamente, seguiremos atingindo novos resultados expressivos”, frisou Correia.

Com os números obtidos em 2009, o Incra alcança a marca de 9892 famílias assentadas em 200 projetos de reforma agrária implantados em Sergipe.

Comentários