McFly: show com trilhas de filmes e desenhos animados

0

Formada há dois anos, a banda McFly teve seu nome tirado do filme “De volta para o futuro”, e já começa a fazer sucesso, espalhando sua marca registrada, o rock, em todo lugar por onde passa. A banda, que começou o ano de 2002 com uma nova formação, tem como inspiração nomes como Red Hot; Off Spring; Creed; Pearl Jam; Gun´s and Roses; Capital Inicial; Tihuana; CPM 22; Engenheiros, dentre outros nomes do rock mundial. A Banda, que já passou pelos palcos do Emes, Tequila Café, Nau Capitania, Boate, Arqueria, Coco Folia, Circo do Tequila, dentre outros, esteve na sede da InfoNet, onde concedeu entrevista exclusiva ao Portal InfoNet. Valtércio Paixão, vocalista e baxista, e Stela Vasconcelos, produtora, falaram um pouco sobre os planos da McFly. INFONET – Quais os nomes dos novos componentes da Banda? STELA VASCONCELOS – A banda agora é composta por mim, que fico na produção; por Valtércio Paixão, vocalista e baixista; Amon Pimentel, na guitarra; e Eduardo Prudente, na bateria. INFONET – Vocês podem falar um pouco da história da formação da McFly? VALTÉRCIO PAIXÃO – A McFly nasceu no ano 2000 e o nome foi tirado do filme “De volta para o Futuro” – era o sobrenome do personagem principal. Nós adotamos um estilo pop rock e, de lá para cá, melhoramos muito. No início tudo foi muito difícil porque a banda foi lançada em uma época em que o mercado estava com muitas bandas e o pop rock não estava em evidência como está hoje. Um dos fatores que ajudaram no crescimento da banda e em uma boa aceitação do público foi um estilo diferente das demais, pois a agente costumava inserir no meio do show trilhas de filmes e desenhos animados, surpreendendo os presentes. As pessoas não esperavam. Atingimos não só o público do rock, mas também o público em geral. INFONET – Vocês mudaram o corpo da Banda em janeiro desse ano? Como ocorreu essa mudança? VALTÉRCIO PAIXÃO – Em janeiro de 2002 houve mudanças na formação e a gente terminou saindo de um quarteto para um trio, o que resultou na mudança do estilo para um pop rock mais legítimo, dando uma identidade mais definida à banda. Temos hoje um som mais autêntico. Os integrantes se identificam mais com a banda de hoje do que com a antiga. Isso é comentado até pelos ex-integrantes da McFly. INFONET – E o resultado dessa mudança? Veio logo de imediato? STELA VASCONCELOS – Houve um certo receio com a mudança, mas ficamos surpresos com a aceitação e o espaço aumentou mais. A banda é mais valorizada hoje. O Tequila Café foi um espaço que se abriu para o pop rock e vem nos apoiando muito, vem acreditando bastante no nosso trabalho. INFONET – Qual é o grande diferencial da McFly em relação às outras bandas? Vocês já têm um CD gravado? VALTÉRCIO PAIXÃO – A gente não se preocupa em só fazer um show bom, a gente se preocupa também com a imagem da banda. Queremos estar sempre divulgando a banda em todos os veículos da mídia. Nos shows a gente prioriza a mídia. A maioria das bandas não tem essa preocupação, de divulgar de todas as formas. O interesse principal de todas as bandas é atingir um público cada vez maior. Recentemente gravamos uma balada romântica “A outra metade”. Essa música vai ter uma roupagem nova, uma nova versão, puxado para o rock e não pop. Temos outras composições que estão sendo preparadas para serem inseridas em um CD demo, mas ainda não há previsão de lançamento do CD, que ainda é um projeto nosso em fase de idealização. Maiores informações sobre a McFly pelos telefones (0xx79) 9961-8299 / 3042-4856 / 9991-9283 ou 213-1370.

Comentários