Municípios sergipanos serão capacitados contra desastres

0

(Fotos: Portal Infonet)

Técnicos e gestores da Defesa Civil de diversos municípios sergipanos serão capacitados contra desastres para atuarem nas ações de preparação, resposta e recuperação de cenários. Ao todo, serão capacitados os municípios de Aracaju, Brejo Grande, Canindé, Carmópolis, Estância, Itabaiana, Lagarto, Laranjeiras, Maruim, Nossa Senhora de Socorro, Pirambu, Poço Redondo, Porto da Folha, Salgado, Santo Amaro das Brotas e São Cristóvão.

A capacitação ocorrerá na sede da Defesa Civil Estadual, de 16 a 19 de abril onde os agentes serão capacitados por técnicos da Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec) quanto à legislação federal, transferência de recursos, Sistema Nacional de Monitoramento, Alerta e Alarme e Plano de Cotingência de Proteção e Defesa Civil.

De acordo com o Gerente de Planejamento da Defesa Civil Estadual, major Alexandre Alves, o objetivo é produzir um plano de contigência. “Eles irão aprender a produzir um plano de contingência de maneira que eles se preparem para as chuvas que vem. Apesar de não termos uma previsão tão boa de chuvas, todo ano nessa época há uma preparação para esses municípios. As cidades precisam ter um plano elaborado de maneira que eles saibam quais são os primeiros passos que eles devem tomar caso haja um desastre”, afirma.

Simulado

Major Alexandre Alves

Para finalizar a capacitação, será realizado um simulado de preparação para desastres que ocorrerá dia 20 de abril no Alto do Bomfim, no município de Laranjeiras.

O simulado visa capacitar técnicos e gestores em Defesa Civil a trabalhar na comunidade residente em áreas de risco para atuar preventivamente em situação de desastre e consolidar procedimentos e conteúdos para a criação de um sistema permanente de monitoramento, alerta e alarme pelas Coordenadorias Municipais de Defesa Civil. Os capacitados serão os multiplicadores em seus municípios.

“No ano passado, houve um simulado de evacuação da comunidade da zona norte com situação de risco de desabamento de encosta, mas a ideia esse ano é mudarmos o cenário. Laranjeiras tem o rio Cotingui

ba e tem histórico de enchente mediante chuvas e a gente buscou um cenário diferente, mas suscetíveis a problemas”, informa.

Por Aisla Vasconcelos

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais