Negociação termina com greve dos Correios

0

Os servidores dos Correios voltaram hoje, 18, às suas atividades normais, após acordo salarial com a empresa. O fim da greve, deflagrada na sexta-feira, 15, ocorreu principalmente pelo reajuste salarial de 9,18%, acordado entre as partes. Para compensar a entrega de correspondências atrasada funcionários do interior foram deslocados para a capital nessa segunda-feira.

 

As principais reivindicações da greve eram de reajuste salarial e aumento de valor no vale-transporte e tiquete refeição. Todas foram negociadas, e parcialmente atendidas. Os servidores receberão um abono salarial de R$ 800, aumento de R$ 322 para R$ 345 no vale-alimentação, e de R$ 80 para R$ 90 na cesta básica. 
 

Segundo o assessor de comunicação da ECT em Sergipe, Agnaldo Batista, foi “um dos melhores acordos já celebrados pelos Correios”.  

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais