Operação PM cumpre reintegração de posse em Pedra Mole

0
(Foto: Divulgação/PM)

A Polícia Militar realizou o cumprimento da reintegração de posse da Fazenda Riacho Grande, no município de Pedra Mole, distante cerca de 105 quilômetros da capital sergipana.

A ação foi realizada em obediência à decisão judicial proferida pelo Juiz responsável pela Comarca de Pedra Mole. Quatro equipes do 3º Batalhão da Polícia Militar (3º BPM), cinco viaturas do Grupamento de Ações Táticas do Interior (GATI), três equipes do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq), três equipes da Companhia de Polícia Rodoviária Estadual (CPRv), além dos integrantes do Grupo de Gestão de Crises e Conflitos ( GGCC) e do Grupo Tático Aéreo (GTA) estiveram presentes  para dar início ao cumprimento, junto ao Oficial de Justiça responsável. O fato, ocorreu na última quarta-feira, 5.

Os integrantes do Grupo de Gestão de Crises e Conflitos (GGCC) iniciaram os primeiros contatos com os ocupantes da propriedade que se disponibilizaram a desocupar a área pacificamente, solicitando somente três caminhões para realizar o transporte dos pertences. Os ocupantes também informaram, que após o cumprimento de reintegração de posse, realizariam uma marcha pelo município a fim de expor a força e ideologia dos integrantes do Movimento do Sem Terra (MST) para a comunidade local.

Após o diálogo inicial, o oficial de justiça realizou a leitura do mandado de reintegração de posse na presença de oficiais da Polícia Militar responsáveis pela operação e ocupantes da propriedade em questão. Nesse momento, o senhor Carlos Cacau, coordenador da ocupação, aproveitou a oportunidade para parabenizar a ação da Polícia Militar, destacando a interação entre Polícia e Comunidade como um ponto positivo para os movimentos sociais.

“Fico satisfeito com a abertura do diálogo da Polícia Militar para com os ocupantes. A PM tem nos recebido com atenção e disposição na busca de uma solução pacífica. Embora os ocupantes não tenham desocupado a área anteriormente, não há interesse em confrontar os policiais. Iremos em marcha pelas ruas de Pedra Mole, de cabeça erguida para mostrar à comunidade que a luta continua”, destacou o coordenador.

Com a desmontagem dos barracos pelos acampados e com o material armazenado nos três caminhões providenciados pelo proprietário, os ocupantes saíram em marcha pelo município com palavras de empenho e motivação do MST de modo a apresentar a força do movimento, momento em que o oficial de justiça certificou o proprietário sobre o efetivo cumprimento da ação.

“A Polícia Militar realiza mais uma reintegração de posse pacificamente, o que é resultado de um diálogo favorável em busca de soluções para os conflitos de modo a evitar o uso da tropa e obedecer à decisão judicial, ressaltando a importância da integridade de todas as partes envolvidas”, finalizou o capitão PM Rocha, coordenador do GGCC.

Fonte: Ascom/PMSE

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais