Operação prende 42 acusados de feminicídio em Sergipe

0
No estado, 315 policiais civis estão envolvidos na ação (Fotos: SSP)

O Ministério da Segurança Pública realiza desde as primeiras horas desta sexta-feira, 24, a “Operação Cronos”, que tem como objetivo realizar cumprimentos de mandados de prisão de envolvidos nos crimes de feminicídio e homicídio contra a mulher. Em Sergipe, até o momento, foram presas 42 pessoas.

Um adolescente e duas armas de fogo foram apreendidos, além de mais de seis quilos de maconha. A operação também visa prender responsáveis por descumprimento de medidas protetivas previstas na Lei Maria da Penha e garantidas às vítimas pelo Judiciário.

Operação ocorre em todo Brasil

Ação é coordenada pelo Ministério da Segurança Pública e acontece em todo o Brasil. No estado, 315 policiais civis estão envolvidos na ação, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública de Sergipe.

Chronos
O nome da operação faz referência ao Deus do Tempo, “Chronos”, que na mitologia grega era a personificação do tempo eterno e imortal. Na prática, chama a atenção para a redução do tempo de vida da mulher vítima de homicídio ou feminicídio em todo o Brasil. Além disso, reforça a ideia de que com a prisão dos envolvidos também é retirado deles mais tempo para cometer novos delitos.

Com informações da SSP

Comentários