Paróquias iniciam homenagens a Nossa Senhora Aparecida

0

Igreja do Bugio (Foto: Arquivo Portal Infonet)
Na Arquidiocese de Aracaju existem três paróquias dedicadas à padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida: no conjunto Bugio, Farolândia e na cidade de Nossa Senhora Aparecida, no interior do Estado. Em todas elas já estão ocorrendo a novena – iniciada no dia 3 – em preparação a grande festa do dia 12 de outubro.

No Bugio, a festa virou tradição e atraem milhares de fiéis, com a caminhada do setor, saindo da Paróquia Nossa Senhora de Lourdes até o Bugio. Também no dia na Cidade de Aparecida já é tradição a Romaria do Setor Agreste, que também atrai milhares de fiéis. Na comunidade da Farolândia, em Aracaju, a festa vem crescendo a cada ano.

A Pescaria Milagrosa

A sua história tem o seu início em meados de 1717, quando chegou a Guaratinguetá a notícia de que o conde de Assumar, D. Pedro de Almeida e Portugal, governador da então Capitania de São Paulo e Minas de Ouro, iria passar pela povoação a caminho de Vila Rica (atual cidade de Ouro Preto), em Minas Gerais.

Desejosos de obsequiá-lo com o melhor pescado que obtivessem, os pescadores Domingos Garcia, Filipe Pedroso e João Alves lançaram as suas redes no rio Paraíba do Sul. Depois de muitas tentativas infrutíferas, descendo o curso do rio chegaram a Porto Itaguaçu, a 12 de outubro. Já sem esperança, João Alves lançou a sua rede nas águas e apanhou o corpo de uma imagem de Nossa Senhora da Conceição sem a cabeça. Em nova tentativa apanhou a cabeça da imagem. Envolveram o achado em um lenço. Daí em diante, os peixes chegaram em abundância para os três humildes pescadores.

Início da Devoção

Durante quinze anos a imagem permaneceu na residência de Filipe Pedroso, onde as pessoas da vizinhança se reuniam para orar. A devoção foi crescendo entre o povo da região e muitas graças foram alcançadas por aqueles que oravam diante da imagem. A fama dos poderes extraordinários de Nossa Senhora foi se espalhando pelas regiões do Brasil.

Diversas vezes as pessoas que à noite faziam diante dela as suas orações, viam luzes de repente apagadas e depois de um pouco reacendidas sem nenhuma intervenção humana. Logo, já não eram somente os pescadores os que vinham rezar diante da imagem, mas também muitas outras pessoas das vizinhanças. A família construiu um oratório no Porto de Itaguaçu, que logo se mostrou pequeno.

12/10/2010 Nossa Senhora Aparecida – Conjunto Bugio/Aracaju

5h – Alvorada Festiva
6h – Missa
8h – Missa
8h – 6ª Peregrinação saindo da Igreja Nossa Senhora de Lourdes – Bairro Siqueira Campos ao Santuário
10h – Missa
12h – Louvores a Nossa Senhora Aparecida
14h – Oficio de Nossa Senhora
15h – Missa
16h – Rosário, Benção do Santíssimo Sacramento e Procissão de Nossa Senhora Aparecida

12.10.2010 – Cidade de Nossa Senhora Aparecida 

No Povoado Queimadas/Ribeirópolis

6h – Terço

6h30 Missa com Padre Nilton César

8h  -saída da Peregrinação do Setor Agreste do povoado Queimadas/Ribeirópolis até a cidade de Aparecida

8h  – Missa Na Matriz de Nossa Senhora Aparecida

10h -Chegada da Peregrinação – Missa  Com Arcebispo Dom Lessa

16h -Solene Procissão de encerramento e após uma Catequese sobre Eucaristia, com o Bispo auxiliar, Dom Henrique

 

Fonte: Ascom/Arquidiocese de Aracaju

Comentários