Polícia instaura inquérito para investigar feminícidio em Japoatã

0
Polícia Civil investiga o caso.(Foto: SSP/SE)

Uma mulher identificada pelo nome de Dilma dos Santos, 51, foi assassinada com golpes de arma branca na madrugada do último domingo, 20, em Japoatã, município distante 90 km de Aracaju. A polícia investiga o crime e credita a autoria ao ex-companheiro da mulher, conhecido pelo apelido de “Paraíba”.

As investigações estão sob a responsabilidade do delegado Tiago Lustosa, que confirmou a instauração de um inquérito para apurar um suposto crime de feminicídio.

O delegado informou ainda que solicitará a prisão do acusado. “Tendo em vista que ele fugiu, pediremos a sua prisão preventiva”, detalha Tiago Lustosa.

O corpo da mulher foi transferido pelo Instituto Médico Legal (IML) para a sede do instituto, em Aracaju, às 6h41 e a liberação para sepultamento ocorreu no mesmo dia, às 12h20.

por Daniel Rezende

Comentários