Polícia prende grupo que vendia carros de locadoras em outros estados

0
Locadora demorou a prestar boletim de ocorrência e vítimas compraram os veículos ainda sem restrição de furto (Foto: SSP)

A Divisão de Roubos e Furtos de Veículos (DRFV) localizou e prendeu quatro suspeitos de integrar uma associação criminosa que atuava em Sergipe e outras localidades do país. O grupo locava carros em empresas e não os devolvia. Os automóveis eram levados para estados diferentes da origem, onde a propriedade era alterada. Em seguida, os carros eram negociados em outras unidades da federação. Segundo as investigações, uma das vítimas teria tido um prejuízo de cerca de R$ 90 mil. A ação policial resultou na apreensão de 15 veículos.

Na ação policial, foram presos quatro suspeitos identificados como Marcel Azevedo Silva Soares, Luanderson Pereira de Santana, também conhecido como “Bahia”, e Lucas Fernandes dos Santos, que atuavam como negociantes, além de Hyago José Nascimento Cruz de Araújo, participante como “laranja”.

Segundo o delegado Hugo Leonardo, a investigação teve início em junho de 2019, quando houve a apreensão de um veículo Renault Oroch com restrição de furto. “Aparentemente, o proprietário havia comprado de boa fé a um dos investigados, o Marcel. Então começamos a apreender veículos na mesma situação. As pessoas tinham comprado esses veículos que sempre passavam pelo Marcel, que recebia os veículos de Luanderson, o “Bahia”, explicou.

O delegado detalhou a atuação do grupo criminoso. “Os carros eram locados em vários estados por “laranjas”, que levavam para Bahia e Piauí, onde era transferida a propriedade da locadora para uma pessoa física, outro “laranja”. Essas pessoas físicas foram identificadas, algumas moradoras de Sergipe, que serão indiciadas, mas ainda não foram presas. Elas traziam esses carros para o mercado de Sergipe e os vendiam ilegalmente”, citou.

Os veículos eram vendidos ainda sem restrição, já que a locadora demorava a prestar o boletim de ocorrência sobre o furto do automóvel. “Não havia qualquer restrição nos veículos, porque a locadora demorava a fazer o boletim de ocorrência. Ela demorava entre a data que o cliente deveria entregar até a feitura do boletim de ocorrência. Tiveram casos em que se decorreram seis meses. Durante esses seis meses, a quadrilha pôde fazer essa transferência tranquilamente até chegar a um terceiro, de boa fé, abordado pela polícia com essa notícia de que o carro tinha essa restrição”, complementou o delegado.

Além dos 15 veículos apreendidos, a DRFV trabalha com a possibilidade da existência de outros veículos na mesma situação. “Estimamos que existam mais veículos, até porque mais restrições podem aparecer. Existem investigados na Bahia e em Alagoas. Continuamos a investigação. Os principais de Sergipe foram presos”, pontuou Hugo Leonardo.

Funções dos presos no grupo

O Luanderson, negociante do grupo, é ex-despachante do Detran. Ele trazia os carros de fora do estado e intermediava a venda com Marcel. Ele também reuniu diversos “laranjas”, que recebiam pagamento em dinheiro para transferir os veículos das empresas lesadas para seus nomes. Marcel é ex-gerente de uma loja de revenda de automóveis. Era o principal receptador dos veículos furtados trazidos a Sergipe pelo grupo. As investigações apontam que ele revendeu a maior parte dos carros aos terceiros, de boa-fé, e também fazia os pagamentos aos “laranjas” de Luanderson, após usarem os nomes para a transferência dos veículos.

Hyago era o principal “laranja” do grupo. Atuou em diversas transações e possui três veículos com restrição de roubo/furto em seu nome. Já foi preso três vezes anteriormente, por receptação e roubo de carro e tráfico de drogas. Já Lucas, possui um veículo roubado em seu nome e revendeu alguns dos carros fraudados. As buscas seguem para localizar Adailton, conhecido como “Coca”.

Ainda segundo o procedimento investigativo, um dos suspeitos, o Hyago, era um dos principais “laranjas” e possui processos criminais por roubo de carro e tráfico de drogas.

Fonte: SSP/SE

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais