Polícia prende homem que desapareceu com o próprio tio em Poço Verde

0
Embora os corpos não tenham sido localizados, a Polícia acredita que os dois homens estão mortos (foto: SSP/SE)

Policiais civis da Delegacia Regional de Tobias Barreto, sob o comando do delegado Fábio Alan, prenderam na manhã desta terça-feira, 23, Moisés Silveira de Souza, apontado como o principal suspeito pelo desaparecimento do seu tio Antônio Anselmo e do funcionário deste, identificado como José Roni. Ambos estão desaparecidos há oito meses, desde que foram vistos pela última vez no povoado Cacimba, município de Poço Verde.

De acordo com o delegado regional, Moisés foi a última pessoa a ser vista com as vítimas antes do desaparecimento. “Sob ele já havia uma forte suspeita devido a divergências familiares decorrentes do pagamento da pensão de um tio falecido que era servidor da Polícia Rodoviária Federal e, durante as oitivas, foram constatadas diversas contradições que permitiram à polícia confirmar que o familiar é o principal suspeito do crime”, informa.

Quanto ao funcionário José Roni, o delegado Fábio Alan explicou que a conclusão que a equipe alcançou foi de que este estava junto ao patrão Antônio Anselmo e teria sido vítima de Moisés com o objetivo único de não deixar rastros do crime. “Roni desapareceu porque, na oportunidade em que Anselmo foi pego, ele estava junto e acabou sobrando também”, pontuou.

A principal linha de investigação do caso envolve a possibilidade de duplo homicídio, mas segundo Fábio Alan, a hipótese de sequestro ainda não está descartada. “Há uma forte convicção subjetiva de que Anselmo e Roni estão mortos, porém como não existem corpos ainda, tecnicamente, não posso dizer que existiu um duplo homicídio. Por conta disso, nós apuramos e ainda estamos trabalhando com a hipótese de sequestro.”, detalhou o delegado.

Moisés Silveira de Souza permanecerá detido na Delegacia de Tobias Barreto enquanto aguarda as devidas medidas judiciais.

por Daniel Rezende

Comentários