Recuperação da ciclovia da Beira Mar chega na fase de conclusão

0
Ciclovia da Beira Mar está em fase final de recuperação.(Foto: Ana Lícia Menezes/PMA)

Pensando a bicicleta no contexto da mobilidade urbana, a Prefeitura de Aracaju iniciou, no final de agosto passado, a execução do Plano de Recuperação das Ciclovias da capital, que se integra ao Projeto de Mobilidade Urbana do Município. A obra, executada pela Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), segue dentro do cronograma previsto e contempla as ciclovias mais deterioradas e de maior fluxo da cidade, como as das avenidas Beira Mar, Tancredo Neves, José Carlos Silva, Marechal Rondon e Coelho e Campos.

Na recuperação, que está sendo feita com recursos próprios – cerca de R$ 100 mil -, além da substituição de placas de concreto das ciclovias, em pontos nos quais foram detectados problemas durante levantamento realizado pela SMTT, é feita também a implantação de novas sinalizações vertical, com instalação de placas, e horizontal, com pinturas de setas, eixos e bordas.

“Mesmo ampliando a quantidade de placas do piso, a obra está dentro do cronograma que imaginávamos poder concluir e não tenho dúvidas de que essa vai ficar muito boa. Nós estamos agora numa etapa de um pente fino da ciclovia da Beira Mar para então darmos início à obra de recuperação da ciclovia da Tancredo Neves. Ainda precisa ser feito a sinalização. Mas, toda a pintura e colocação de placas, que são executadas pela própria SMTT, só começa quando a empresa que executa esta obra de recuperação do piso passar para a próxima ciclovia”, explica o superintendente da SMTT, Renato Telles.

De acordo com superintendente municipal de Transporte e Trânsito, boa parte da ciclovia da ciclovia já está recuperada, no trecho sul, já tem condições de uso. “Mais próximo do Parque dos Cajueiros, onde a obra está acontecendo, ainda tem uns trechos bloqueados, mas boa parte já está em condições de ser utilizada também”, destaca.

Fonte: PMA

Comentários